Trio é preso ao oferecer vantagens em linhas de crédito em agência pública do AP

Sem Comentários

28/06/2018

Na tarde desta quinta-feira (28), três homens foram presos em flagrante pela Polícia Civil por estelionato, em Santana, a 17 quilômetros de Macapá. O grupo se passava por funcionários da Agência de Fomento do Amapá (Afap) e cobrava de R$ 1 mil a R$ 5 mil de microempreendedores e empresários em troca de vantagens para garantir linhas de crédito. “Eles estavam se passando por funcionários da AFAP, dizendo que como funcionários iam facilitar os contratos das vítimas e cobravam por isso. Inclusive ele foi preso recebendo um pagamento. Isso é uma fraude”, falou a delegada da 2ª Delegacia de Polícia Civil de Santana. Os presos ainda serão ouvidos por ela.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Comentários

*