Funcionária de banco impede que mulher de Mogi caia no golpe do conserto do carro

Sem Comentários

08/02/2019

Uma funcionária de um banco impediu que uma mulher de 57 anos tivesse um prejuízo de R$ 1.450. A mulher que mora em Mogi das Cruzes foi vítima do golpe do conserto do carro. O caso foi registrado como estelionato nesta quinta-feira (07) no 1º Distrito Policial. A mulher contou que recebeu uma ligação de um homem que se identificou como um primo. Ele disse que estava com o carro quebrado perto de Atibaia e precisava de dinheiro para o conserto. Em seguida, ela falou com um homem que se identificou como o socorrista do veículo. Ele passou o número da conta que ela deveria depositar o dinheiro para o conserto do carro. A vítima foi ao banco e fez um depósito de R$ 1.450 na conta indicada. Mas ao conversar com uma funcionária da agência, constatou que se tratava de um golpe e o dinheiro foi bloqueado pelo sistema do banco. Ela disse que aguarda o estorno do valor pelo sistema bancário.

Supervisora de Mogi perde R$ 1,4 mil no golpe do conserto do carro

Sem Comentários

06/02/2019

Uma supervisora de 29 anos de Mogi das Cruzes perdeu R$ 1,4 mil, no golpe do conserto do carro. Ela comunicou o caso à Polícia Civil nesta terça-feira (05). No 2º Distrito Policial, a vítima contou que recebeu um telefonema de um homem que se identificou como um primo dela de Minas Gerais. Ele disse que precisava de R$ 1,4 mil, para pagar uma seguradora para buscar o carro dele que tinha quebrado. A vítima explicou que acreditou que ele era mesmo seu primo, porque o golpista falou o nome da mãe, da irmã e do filho dela. A vítima disse que fez o depósito do dinheiro na conta indicada pelo golpista. Após fazer a transação, ela ligou para uma tia, que explicou que nada tinha acontecido com o carro do filho. A supervisora destacou que neste momento percebeu ter sido vítima de um golpe.

Mulher cai em golpe e perde mais de R$ 2 mil em Araraquara

Sem Comentários

10/01/2019

Na quarta-feira (09), em Araraquara (SP), uma mulher de 54 anos caiu em um golpe e perdeu R$ 2,2 mil. Segundo o boletim de ocorrência, ela recebeu um telefonema de uma pessoa afirmando ser seu primo e que estaria com o carro quebrado em Matão. O golpista pediu R$ 5,4 mil para o reparo do veículo. A vítima depositou a quantia em duas partes, uma no valor de R$ 2,2 mil e a segunda de R$ 3,2 mil. Após realizar as transferências, a mulher desconfiou da história e ligou para o primo e soube que ele estava em Itumbiara (GO). A mulher foi até a agência bancária onde conseguiu bloquear a segunda transferência, mas o valor de R$ 2,2 mil já havia sido debitado da conta e não foi possível recuperar o dinheiro.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Idoso é vítima de golpe e tem prejuízo de R$1 mil

Sem Comentários

03/12/2018

Em Maringá (PR), um idoso, de 60 anos, foi vítima de um golpe no domingo (02) e perdeu cerca de R$ 1 mil. O idoso relatou que recebeu uma ligação, onde a pessoa se passou por seu cunhado. O suspeito disse à vítima que estava com o carro quebrado em Campo Mourão e que o valor do conserto ficaria em aproximadamente R$3 mil, mas que só tinha R$2 mil e que faltaria dinheiro. O idoso depositou o valor de R$1 mil na conta do suspeito. O suposto “cunhado” afirmou que iria para Maringá para devolver o dinheiro. Porém, ao desligar o telefone, o homem não fez mais contato. A ocorrência foi registrada na Polícia Civil na manhã desta segunda-feira (03).

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Massa News

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Idoso perde mais de três mil em golpe

Sem Comentários

13/08/2018

Em Roraima, um idoso de 67 anos foi mais uma vítima de estelionato. Ele explicou em depoimento a polícia, que teria recebido uma ligação de um homem que afirmava ser irmão dele. Nas ligações o suspeito dizia que estava com o carro danificado em Caracaraí, município localizado a 170 km de Boa Vista e que precisava da ajuda do irmão para arrumar o veículo. No contato o homem além de se passar por parente da vítima, ainda pediu para que ele realizasse depósitos para ajudá-lo no conserto do carro. Sem saber que estava caindo em um golpe, o idoso realizou três depósitos que contabilizaram a quantia de R$ 3.500.  As quantias foram depositadas em contas bancárias dos estados de  Minas Gerais (MG) e Goiás (GO). O caso foi registrado como estelionato simples no 4º Distrito Policial e a Polícia Civil está investigando.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Folha Web

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Mulher de Mogi das Cruzes perde mais de R$ 6 mil em golpe

Sem Comentários

19/07/2018

Na quarta-feira (18), uma mulher, de Mogi das Cruzes, teve um prejuízo de mais de R$ 6 mil, depois de cair em um golpe. Ela recebeu um telefonema de um estelionatário que se passou por um primo, que morava no Japão, mas tinha voltado ao Brasil. Ele disse que precisava de dinheiro para consertar o carro, depois de um acidente no caminho para Mogi. O caso foi registrado como estelionato no 1º Distrito Policial e será investigado. Segundo o boletim de ocorrência, uma mulher de 43 anos contou que sua mãe recebeu um telefonema de um homem que se identificou como um primo que morava no Japão e pretendia chegar de surpresa a Mogi das Cruzes. Ele disse que alugou um carro e, no caminho para Mogi, sofreu um acidente. Segundo o homem, a empresa que o socorreu não tinha máquina de cartão, por isso ele precisava de R$ 2.490, para fazer o pagamento. A mulher disse que sua mãe acreditou na história e pediu que ela depositasse o dinheiro. Ela informou que o suposto primo de sua mãe ligou novamente e pediu mais R$ 3.980, porque precisava complementar o pagamento. A vítima fez um novo depósito. A mulher destacou que depois sua mãe conseguiu entrar em contato com familiares e soube que o primo continuava trabalhando no Japão e percebeu que tinha caído em um golpe. Elas entraram em contato com o banco, mas descobriram que os valores já tinha sido sacados. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Aposentada de Mogi das Cruzes cai em golpe e perde R$ 1,5 mil

Sem Comentários

19/04/2018

Em Mogi das Cruzes (SP), uma aposentada, de 63 anos, perdeu R$ 1,5 mil, ao tentar ajudar o sobrinho. Ela recebeu um telefonema de um homem que se identificou como o parente, pedindo dinheiro para consertar um carro. No final da quarta-feira (18), ela descobriu que não foi o sobrinho que pediu o dinheiro. O caso foi registrado como estelionato no 2º Distrito Policial. Segundo o boletim, a aposentada disse que estava em casa durante a manhã e atendeu o telefone. Um homem se identificou como um sobrinho da vítima. Ela contou que ele disse que tinha ido abastecer o carro e uma moto bateu nele e ele bateu em um carro. O suposto sobrinho pediu dinheiro a ela para pagar a franquia do seguro do carro porque teria um desconto.Ele pediu que ela depositasse o dinheiro em uma conta e à tarde ele iria até a casa dela para pagar o empréstimo. A aposentada foi a uma lotérica e fez o depósito na conta informada pelo suposto sobrinho. Quando chegou em casa atendeu um novo telefonema. O homem pediu mais R$ 500. Ela disse que só percebeu que caiu em um golpe quando conversou com a irmã. Nesta ocasião, ela soube que o sobrinho estava bem e não tinha se envolvido em acidente.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Anterior