Idosa cai no golpe da recompensa e perde R$ 3 mil em Mogi

Sem Comentários

14/01/2019

Uma idosa de 71 anos teve prejuízo de R$ 3 mil depois de ser vítima do golpe da recompensa. O caso aconteceu na região Central de Mogi das Cruzes (SP). Segundo o boletim de ocorrência registrado pela vítima, ela caminhava pela Avenida Voluntário Fernando Pinheiro Franco, quando viu que uma mulher deixou cair um envelope. Em seguida, outra mulher se aproximou e perguntou se o envelope era da vítima. Um homem, então, abordou as duas e disse o envelope era dele e gostaria de recompensar as duas mulheres por terem devolvido. O golpista contou que elas deveriam deixar a sua bolsa com ele e, uma por vez, buscar a recompensa. Quando a idosa voltou, ela notou que havia caído em um golpe e não encontrou mais o homem com a sua bolsa. Além do prejuízo financeiro, o golpista ainda ficou com as chaves, documentos e cartões da vítima.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Casal é detido suspeito de aplicar ‘golpe da recompensa’ em Jundiaí

Sem Comentários

22/11/2018

Nesta quinta-feira (22), um casal foi detido suspeito de aplicar golpes no Centro de Jundiaí (SP). Segundo a polícia, a dupla aplicava o chamado “golpe da recompensa”. Os estelionatários fingiam que deixavam cair um pacote de dinheiro no chão, sempre perto de agências bancárias. No pacote continha papel simulando ser notas de reais. Os suspeitos ofereciam um prêmio para a pessoa que devolvesse o dinheiro. Quando a vítima ia buscar a recompensa era roubada pelos criminosos. Segundo a Guarda Municipal de Jundiaí, a polícia investigava o crime na cidade e avisou a corporação citando a placa do veículo usado pelos estelionatários. A Guarda encontrou o veículo, por meio do monitoramento na cidade, e fez buscas pelo local localizando o casal. Com eles foi apreendido o pacote falso de notas de 100 reais que seria usado nos golpes. O homem e a mulher foram levados para a delegacia. Eles vão responder por estelionato, mas não ficarão presos porque, segundo o boletim de ocorrência, a suposta vítima não foi lesada.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Mulher perde R$ 430, no golpe da recompensa em Mogi das Cruzes

Sem Comentários

04/04/2018

Em Mogi das Cruzes (SP), na terça-feira (03), depois de cair no golpe da recompensa, uma mulher de 50 anos ficou sem R$ 430, documentos e cartões bancários. O caso foi registrado no 1º Distrito Policial como furto a transeunte. Na delegacia, ela contou que na terça-feira, por volta das 15h30, saiu de um banco na Avenida Voluntário Fernando Pinheiro Franco e foi abordada por um homem. Ele estava com uma carteira na mão que disse ter encontrado no chão e perguntou se ela não pertencia a mulher. A vítima contou que em seguida, uma mulher apareceu e disse que a carteira era dela. Essa mulher ofereceu um presente ao homem e a vítima como recompensa pelo encontro da carteira. A vítima seguiu o casal até a Praça da Bandeira. Logo depois, o homem deixou as duas mulheres e voltou com um par de sapatos que seria o suposto presente. O casal sugeriu para a vítima que deixasse a bolsa com eles para buscar o prêmio. Mas ela se recusou. O casal insistiu e a mulher arrancou a bolsa do ombro da vítima, dizendo que ela não poderia levá-la até o local do prêmio. A vítima afirmou que aproveitando um momento de distração, o casal saiu correndo com a sua bolsa. A polícia vai investigar o caso.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Golpes em idosos de Mogi, neste ano já superam em 6% os casos de 2016; veja como agem os estelionatários

Sem Comentários

29/10/2017

Entre as desculpas de maus espíritos, prestação de serviços, bilhetes premiados e a lábia para ajudar os idosos com os caixas eletrônicos, os golpistas têm encontrado “presas fáceis” nos idosos de Mogi das Cruzes. A ingenuidade é um dos fatores para que as pessoas com mais de 60 anos sejam as vítimas mais frequentes dos casos de estelionatos. De acordo com o delegado titular do 1° Distrito Policial de Mogi das Cruzes, que abrange a região central e, consequentemente recebe o maior número de casos, o número de ocorrências registradas neste ano já supera em 6% o volume de boletins de ocorrência de todo o ano passado. “Preocupa. Os golpistas ficam só observando: eles percebem quem tem dificuldades com o caixa eletrônico, as pessoas que estão com o cartão em mãos com a senha anotada junto e se aproximam”, comenta. Ao longo de 2016, a delegacia registrou 414 casos e ainda recebeu mais 134 boletins de ocorrência para investigação. Essas últimas ocorrências foram registradas em outras delegacias mas, como o crime aconteceu na região central, foram encaminhadas ao 1° Distrito. Já neste ano, até o final do mês de setembro, foram 435 casos e mais 147 deverão ser investigados. No total, o volume de ocorrências aumentou de 548 para 582. O início do mês, época de pagamento das aposentadorias, é o período em que há o maior número de casos, segundo o delegado. “São N golpes. Os casos que acontecem nas ruas, como bilhete premiado e o golpe da macumba, são mais difíceis de serem investigados. Quando acontece dentro do banco, por exemplo, é mais fácil da gente consultar as imagens, buscar os favorecidos das transações bancárias.” Clique em “Ler a notícia na íntegra” para conhecer os golpes mais praticados contra idosos.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Mulher é presa suspeita de aplicar golpes em agências bancárias no ES

Sem Comentários

30/08/2017

Foi presa nesta quarta-feira (30), em Cariacica, uma mulher suspeita de aplicar golpes em agências bancárias. De acordo com a polícia, ela confessou o crime. A estelionatária foi levada para o Centro de Triagem de Viana, onde vai ficar à disposição da Justiça. O mandado de prisão preventiva foi cumprido por policiais da Delegacia de Crimes Contra a Vida (DCCV) de Cariacica, que investigava o caso há um mês. Segundo a investigação, a mulher praticava o chamado “golpe da recompensa”. “Ela praticava golpes em agências obtendo vantagem ilícita, em prejuízo alheio, induzindo em erro, mediante meio ardil”, explicou o delegado responsável. A mulher negou que tenha cometido golpes em um primeiro momento, mas confessou depois que a equipe de investigação mostrou imagens de uma agência de Jardim América em que ela aparece. Foi nessa agência, inclusive, que o primeiro golpe foi identificado pela polícia, depois da denúncia de uma vítima. A equipe de investigação informou que ela pratica os golpes há anos.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Mulher cai no golpe da recompensa em Mogi das Cruzes

Sem Comentários

04/08/2016

Em Mogi das Cruzes (SP), uma mulher acabou perdendo R$ 880 depois de cair no golpe da recompensa. Ela foi abordada por um casal por volta das 12h, na Avenida Voluntário Fernando Pinheiro Franco. No 1º Distrito Policial, a vítima relatou que sacou R$ 880 e em seguida um homem  simulou ter deixado cair um pacote, que supostamente, continha dinheiro. Neste momento, ela disse que uma mulher se aproximou e lhe disse para devolver o pacote ao dono. O homem, então, ofereceu à vítima um relógio e uma quantia em dinheiro como recompensa. No entanto, ele disse a ela que para receber deveria deixar a bolsa com a mulher. A vítima fez o que o casal sugeriu e quando se deu conta percebeu que a dupla havia fugido com a sua bolsa. Além do dinheiro, os suspeitos levaram também o cartão do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) da vítima. O caso foi registrado como estelionato e será investigado pela Polícia Civil.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Idosa é vítima do golpe da recompensa em Mogi das Cruzes

Sem Comentários

07/02/2013

Uma idosa de 70 anos foi a mais recente vítima do golpe da recompensa em Mogi das Cruzes. Por volta das 10h30 de quarta-feira (7), ela foi a um banco no distrito de Brás Cubas, em Mogi das Cruzes, sacar a aposentadoria. Na saída da agência foi abordada por uma mulher que perguntou à aposentada se era dela uma bolsa.Na sequência a “suposta proprietária” do acessório apareceu e disse que recompensaria a mulher. As duas partiram, mas deixaram a bolsa de uma das mulheres com a idosa. Em seguida, a dupla voltou e a “dona da bolsa” disse à aposentada que ela receberia um edredom como recompensa, mas para isso deveria deixar a bolsa com as duas mulheres. Ela seguiu a recomendação. Como não encontrou o local para a retirada do “presente”, a idosa retornou e não encontrou mais a dupla. Elas levaram os 678 reais da aposentadoria, os documentos e o celular da idosa. Um boletim de ocorrência de estelionato foi registrado no 2º Distrito Policial de Mogi das Cruzes.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Anterior