Golpes em idosos de Mogi, neste ano já superam em 6% os casos de 2016; veja como agem os estelionatários

Sem Comentários

29/10/2017

Entre as desculpas de maus espíritos, prestação de serviços, bilhetes premiados e a lábia para ajudar os idosos com os caixas eletrônicos, os golpistas têm encontrado “presas fáceis” nos idosos de Mogi das Cruzes. A ingenuidade é um dos fatores para que as pessoas com mais de 60 anos sejam as vítimas mais frequentes dos casos de estelionatos. De acordo com o delegado titular do 1° Distrito Policial de Mogi das Cruzes, que abrange a região central e, consequentemente recebe o maior número de casos, o número de ocorrências registradas neste ano já supera em 6% o volume de boletins de ocorrência de todo o ano passado. “Preocupa. Os golpistas ficam só observando: eles percebem quem tem dificuldades com o caixa eletrônico, as pessoas que estão com o cartão em mãos com a senha anotada junto e se aproximam”, comenta. Ao longo de 2016, a delegacia registrou 414 casos e ainda recebeu mais 134 boletins de ocorrência para investigação. Essas últimas ocorrências foram registradas em outras delegacias mas, como o crime aconteceu na região central, foram encaminhadas ao 1° Distrito. Já neste ano, até o final do mês de setembro, foram 435 casos e mais 147 deverão ser investigados. No total, o volume de ocorrências aumentou de 548 para 582. O início do mês, época de pagamento das aposentadorias, é o período em que há o maior número de casos, segundo o delegado. “São N golpes. Os casos que acontecem nas ruas, como bilhete premiado e o golpe da macumba, são mais difíceis de serem investigados. Quando acontece dentro do banco, por exemplo, é mais fácil da gente consultar as imagens, buscar os favorecidos das transações bancárias.” Clique em “Ler a notícia na íntegra” para conhecer os golpes mais praticados contra idosos.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Mulher é presa suspeita de aplicar golpes em agências bancárias no ES

Sem Comentários

30/08/2017

Foi presa nesta quarta-feira (30), em Cariacica, uma mulher suspeita de aplicar golpes em agências bancárias. De acordo com a polícia, ela confessou o crime. A estelionatária foi levada para o Centro de Triagem de Viana, onde vai ficar à disposição da Justiça. O mandado de prisão preventiva foi cumprido por policiais da Delegacia de Crimes Contra a Vida (DCCV) de Cariacica, que investigava o caso há um mês. Segundo a investigação, a mulher praticava o chamado “golpe da recompensa”. “Ela praticava golpes em agências obtendo vantagem ilícita, em prejuízo alheio, induzindo em erro, mediante meio ardil”, explicou o delegado responsável. A mulher negou que tenha cometido golpes em um primeiro momento, mas confessou depois que a equipe de investigação mostrou imagens de uma agência de Jardim América em que ela aparece. Foi nessa agência, inclusive, que o primeiro golpe foi identificado pela polícia, depois da denúncia de uma vítima. A equipe de investigação informou que ela pratica os golpes há anos.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Mulher cai no golpe da recompensa em Mogi das Cruzes

Sem Comentários

04/08/2016

Em Mogi das Cruzes (SP), uma mulher acabou perdendo R$ 880 depois de cair no golpe da recompensa. Ela foi abordada por um casal por volta das 12h, na Avenida Voluntário Fernando Pinheiro Franco. No 1º Distrito Policial, a vítima relatou que sacou R$ 880 e em seguida um homem  simulou ter deixado cair um pacote, que supostamente, continha dinheiro. Neste momento, ela disse que uma mulher se aproximou e lhe disse para devolver o pacote ao dono. O homem, então, ofereceu à vítima um relógio e uma quantia em dinheiro como recompensa. No entanto, ele disse a ela que para receber deveria deixar a bolsa com a mulher. A vítima fez o que o casal sugeriu e quando se deu conta percebeu que a dupla havia fugido com a sua bolsa. Além do dinheiro, os suspeitos levaram também o cartão do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) da vítima. O caso foi registrado como estelionato e será investigado pela Polícia Civil.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Idosa é vítima do golpe da recompensa em Mogi das Cruzes

Sem Comentários

07/02/2013

Uma idosa de 70 anos foi a mais recente vítima do golpe da recompensa em Mogi das Cruzes. Por volta das 10h30 de quarta-feira (7), ela foi a um banco no distrito de Brás Cubas, em Mogi das Cruzes, sacar a aposentadoria. Na saída da agência foi abordada por uma mulher que perguntou à aposentada se era dela uma bolsa.Na sequência a “suposta proprietária” do acessório apareceu e disse que recompensaria a mulher. As duas partiram, mas deixaram a bolsa de uma das mulheres com a idosa. Em seguida, a dupla voltou e a “dona da bolsa” disse à aposentada que ela receberia um edredom como recompensa, mas para isso deveria deixar a bolsa com as duas mulheres. Ela seguiu a recomendação. Como não encontrou o local para a retirada do “presente”, a idosa retornou e não encontrou mais a dupla. Elas levaram os 678 reais da aposentadoria, os documentos e o celular da idosa. Um boletim de ocorrência de estelionato foi registrado no 2º Distrito Policial de Mogi das Cruzes.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Mulher é vítima de estelionato na cidade de Girau do Ponciano

Sem Comentários

28/01/2013

Uma senhora de 39 anos foi vítima de estelionatário, na cidade de Girau do Ponciano, à 151Km da capital. De acordo a guarnição da 3 Cia da cidade, a mulher havia feito um saque em uma agência bancária no valor R$ 300,00, mas perdeu tudo ao confiar em uma mulher que lhe ‘deveu favor’. O crime aconteceu depois que a vítima observou um talão de cheque cair da bolsa de uma mulher que estava na sua frente. Depois que ela entregou o cheque que havia caído, a mulher ofereceu-lhe uma recompensa: um sapato. Com isso, convidando-a até uma loja para escolher. A criminosa a induziu a deixa a bolsa com ela, enquanto a vítima escolhia o presente, na loja indicada. No entanto, ao perceber que a loja não existe, a vítima voltou ao local, mas mulher a qual ela tinha deixado a bolsa ao estava mais.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Tribuna hoje

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Golpe da recompensa faz novas vítimas na Avenida dos Bancos

Sem Comentários

18/01/2013

Duas mulheres foram vítimas de um golpe na Avenida Voluntário Fernando Pinheiro Franco, na região central de Mogi das Cruzes, na tarde de quinta-feira (17). Uma das vítimas, que preferiu não ter a identidade revelada, tinha acabado de sacar R$ 2.470 do Fundo de Garantia. Ainda na via conhecida como Avenida dos Bancos, a vítima, que estava junto com a irmã, disse que viu um homem encontrar um envelope com dinheiro e devolvê-lo a um outro rapaz que afirmou ser dono da quantia. Então, o suposto proprietário do dinheiro disse que recompensaria a vítima, a irmã e o rapaz que achou o envelope. “Eles estavam do nosso lado, pareceu que a gente também tinha encontrado o dinheiro, então acabamos envolvidas na história”, disse a vítima. O “dono do envelope” disse que tinha uma loja de cama mesa e banho e que daria produtos do estabelecimento para os três, mas alegou que o sócio poderia ficar bravo se ele entrasse no comércio com várias pessoas. Então, o suspeito que “achou o dinheiro” foi primeiro ao local para receber o presente e, para garantir que voltaria, deixou a carteira com as vítimas. “Foi como um gesto de confiança, então, quando ele voltou, pediu que fizéssemos o mesmo, que deixássemos as nossas bolsas. Eles foram muito convincentes”, afirmou a vítima. Segundo a polícia, as duas mulheres procuraram pela loja no endereço indicado, mas não encontraram nada. Ao todo, os suspeitos fugiram com R$ 2.540, dois celulares, documentos e cartões de crédito. Os dois homens deixaram para trás um papel onde imprimiram uma nota de 50 reais (no meio havia pedaços de papel que simulavam um maço de dinheiro) e um em que a impressão simulava uma nota de 100 reais (também havia papéis para parecer um segundo maço de dinheiro). O material foi levado para o Instituto de Criminalística. O caso foi registrado como estelionato. O delegado titular do 1º Distrito Policial de Mogi das Cruzes, alerta que é preciso redobrar os cuidados na saída do banco. “A pessoa deve ficar atenta a quem está ao redor e não ostentar o dinheiro que acabou de sacar. A gente recomenda que ela guarde o dinheiro ainda dentro do banco, porque se a pessoa se distrai e guarda na bolsa na porta do banco, algum golpista pode observar e abordá-la em seguida”, recomenda.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

 

Idoso cai em golpe e perde quase R$ 20 mil em dinheiro

Sem Comentários

29/08/2012

Um aposentado de 76 anos perdeu R$ 19 mil ao cair no conhecido “golpe da recompensa”. Três pessoas ainda não identificadas pela polícia participaram do crime, cometido nesta terça-feira (28) em plena região central da cidade. De acordo com a polícia, o idoso caminhava pela Avenida Santo Antonio quando foi abordado por uma mulher desconhecida. A suspeita afirmou que precisava de ajuda para efetuar um grande saque em uma agência bancária e prometeu R$ 60 mil como recompensa para o aposentado, no entanto exigiu uma garantia de R$ 20 mil. Na sequência, os outros dois golpistas se aproximaram e ofereceram ajuda de locomoção ao idoso. A vítima foi levada a três agências bancárias, onde efetuou saques de R$ 10 mil, R$ 5 mil e R$ 4 mil. Logo depois, um dos criminosos ainda se ofereceu para contribuir com R$ 1 mil e alegou que iria buscar o dinheiro em sua casa, mas fugiu com os outros comparsas levando o dinheiro. Após ficar aguardando em frente a agência da Avenida Castro Alves, o idoso percebeu o golpe. Ele acionou a polícia e informou as características físicas dos criminosos, mas nenhum suspeito foi preso.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Diário de Marília

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Anterior