Falso policial que oferecia serviços clandestinos de táxi aéreo é identificado e preso em Macaé

Sem Comentários

18/06/2018

Na tarde desta segunda-feira (18), a Polícia Militar (PM) identificou e prendeu um homem que se passava por agente da Polícia Federal (PF), no bairro Imbetiba, em Macaé (RJ). O suspeito começou a ser procurado depois que a PM recebeu denúncias. A.S.A.O., de 34 anos, foi preso pelos policiais em seu apartamento. Segundo a PM, ele ostentava uma pistola e oferecia serviços a cidadãos em uma empresa de táxi aéreo clandestina. No apartamento do falsário foi apreendido o simulacro de pistola, além de um contrato de uma possível aeronave, contracheques em seu nome com valores de salários fictícios e currículos de mulheres. Todo material e o acusado foram encaminhados para registro na 123ª Delegacia Policial de Macaé (123ª DP).

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Clique Diário

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Homem que se passava por policial é preso ao tentar aplicar golpe em comerciante

Sem Comentários

14/06/2018

Nesta quarta-feira (13), um homem foi preso após se passar por policial militar e tentar aplicar um golpe em um comerciante em Anápolis (GO). Segundo a Polícia Militar, após o falso PM entrar no estabelecimento, ele teria oferecido uma rifa de três televisores, na qual a beneficiária seria a Polícia Militar de Goiás. O proprietário, ao suspeitar do homem, entrou em contato com o 4° BPM e confirmou que a ação do homem seria um golpe. Em seguida, agentes da PM foram até o local e prenderam em flagrante o suspeito de estelionato que apresentou documentos falsos no ato da abordagem.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: DM

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Falso policial que cobrava por vagas de emprego em delegacia é preso no AM

Sem Comentários

12/06/2018

Na tarde desta segunda-feira (11), um homem de 56 anos, que teria fingido ser Policial Civil, foi preso na Avenida Eduardo Ribeiro no Centro, em Manaus (AM). De acordo com as investigações, ele oferecia e cobrava por falsas vagas de emprego na área administrativa da Delegacia Geral. O suspeito foi detido depois de denúncia de uma das vítimas. Na delegacia, o homem confirmou o crime e afirmou que cometia os delitos porque tinha sonho de ser policial civil. O delegado titular da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (DERFD) disse que o infrator pedia o valor de R$430 em troca da vaga de emprego. Ele costumava abordar as vítimas em via pública. Depois de selecionar as vítimas, o homem pedia os documentos necessários para a admissão para essa falsa vaga, além do dinheiro. Após receber, ele sumia com o valor. Ele deverá responder por estelionato. 

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Homem é detido com documento falso após se passar por policial militar, em Campinas

Sem Comentários

09/05/2018

Em Campinas (SP), um homem foi detido após se passar por policial militar durante a averiguação de uma denúncia de extorsão. No momento em que foi abordado por policiais, ele se disse PM de Minas Gerais, mas apresentou uma carteira falsa de agente penitenciário. A ocorrência ocorreu no bairro Jardim Itatinga. Os agentes localizaram o veículo do suspeito e o abordaram. O homem se apresentou como sargento da Polícia Militar. Ao pesquisar os dados no sistema, os policiais descobriram que o homem nunca foi agente penitenciário ou policial militar. Era tudo falso, inclusive o nome que aparecia no documento. O suspeito é de Juiz de Fora, mas mora em Campinas há três anos. O carro dele foi aprendido por estar com documento atrasado desde 2012. Embaixo do banco do carro foi encontrada uma arma bem parecida com as que os policiais usam. Tudo foi levado para a 2º Delegacia Seccional, onde o falso policial prestou depoimento. Ele não tinha passagem criminal, foi liberado e vai responder por falsidade ideológica.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Mulher se passa por policial para aplicar golpes

Sem Comentários

15/01/2018

Nesta segunda feira (15),  por suspeita de golpes uma mulher foi levada a delegacia em Foz de Iguaçu . Ela foi denunciada por um comerciante, que desconfiou do comportamento da “cliente” e acionou a Polícia Militar. De acordo com os comerciantes que reconheceram a suspeita na delegacia, ela frequentava várias lojas da região de Três Lagoas como policial federal e alegava que os alvarás de funcionamento dos estabelecimentos estavam vencidos. Com esse argumento, a suspeita cobrava uma taxa dos comerciantes para regularizar a situação das lojas. Caso eles negassem o pagamento, eram ameaçados a comparecerem na delegacia para responder pelo “crime”. Em quinze dias, a suspeita teria conseguido, por esse método, quatro celulares e mais de R$ 1,7 mil.A suspeita responderá pelo crime de Estelionato.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Massa News

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Homem se passa por PM para aplicar golpe em empresários e é preso em Sinop

Sem Comentários

27/10/2017

Um homem foi preso na avenida Londrina, no Setor Industrial de Sinop, na tarde desta quinta (26), suspeito de se passar por um policial militar e aplicar golpes contra empresários do município. Também foram apreendidos alguns supostos jornais intitulados “Brasil Integração Policial”, blocos de recibo, guias telefônicos e uma quantia de R$ 250. Segundo a polícia, o sujeito teria entrado em contato com o proprietário de uma loja de máquinas e dito que o Comando Regional faria uma palestra na sede do Sindicato das Indústrias Madeireiras. Na ocasião, pediu uma “contribuição” no valor de R$ 200 e avisou que passaria mais tarde para recolher. Em benefício, o empresário receberia um adesivo para colar em seu veículo, e quando passasse em uma fiscalização não seria abordado. A PM se deslocou até a empresa, onde encontrou o suspeito no escritório da vítima. Ao ser questionado se era um agente de segurança, o homem relatou que era filho de um coronel, contudo, o empresário afirmou que ele era a mesma pessoa com quem tinha falado no telefone mais cedo. A Força Tática prendeu o suspeito e o encaminhou à delegacia para as devidas providências. Ele deve responder pelo crime de estelionato.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: RD News

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

PRF prende homem que se passava por policial federal em Pato Branco

Sem Comentários

06/09/2017

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu em flagrante na noite de terça-feira (05), em Pato Branco, no sudoeste do Paraná, um homem de 37 anos que se passava por policial federal, após receber denúncias. Ele estava no terminal rodoviário da cidade, nas imediações da BR-158. Segundo a PRF, no momento da abordagem o homem estava vestido com uma camiseta da Polícia Federal (PF) por baixo de uma jaqueta. Ele também portava uma carteira com o brasão da República e a inscrição “Ministério da Justiça”, além de uma identidade funcional falsa da área de comunicação da PF, informou a polícia. O homem, que se dizia estagiário da Polícia Federal, carregava uma mochila que continha outra camiseta da PF, uma pistola de airsoft (arma de pressão com munições plásticas), três cilindros de gás carbônico e uma caixa de lâminas de bisturis. O homem tinha dois mandados de prisão expedidos contra ele pelo Tribunal de Justiça de São Paulo. Ele foi encaminhado para a delegacia de Pato Branco e, segundo a polícia, responderá pelos crimes de usurpação da função pública, uso de documento falso, falsa identidade e contrabando.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Anterior