Trio é preso por estelionato em Salvador com kit de espadas e máquina para confeccionar cartão de crédito

Sem Comentários

18/06/2018

Na madrugada desta segunda-feira (18), três homens suspeitos de estelionato foram presos com armas, documentos falsos, um kit com três espadas, impressoras e equipamento para confeccionar cartões, no bairro de Stella Maris, em Salvador (BA). A polícia encontrou papéis em branco que servem de base para imprimir RG. A informação é da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA). A polícia suspeita que os homens fazem parte de uma quadrilha especializada em falsificações.

De acordo com a SSP-BA, a Polícia Militar (PM) encontrou o trio após um morador do bairro informar sobre a presença de homens armados, na Rua Lígia Borja. Ao chegar no local, os PMs fizeram uma abordagem ao veículo onde os homens seguiam e com eles foram achados documentos falsos e um revólver calibre 38. Após serem questionados sobre a falta de documentos do carro, o trio levou os PMs até um imóvel, onde foram localizados um simulacro de pistola, munições, mais documentos falsos, um passaporte italiano, a máquina para fabricar cartões, impressora, espadas, relógios e R$ 2 mil.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Força Tática prendeu falsificador foragido em Taboão com 31 RGs, 3 CNHs e 56 cartões bancários

Sem Comentários

11/06/2018

No jardim Santa Cruz, em Taboão da Serra (SP), policiais da Força Tática do 36º Batalhão da PM prenderam em flagrante, após abordagem na rua, um foragido da prisão praticando os crimes de estelionato, falsificação de documento público, falsificação de documento particular e associação para o crime. Os policiais apreenderam com o acusado 31 cédulas de identidade da Secretaria de Segurança Pública (SSP) falsificadas, 3 cédulas de CNH, 56 cartões de banco e estabelecimentos comerciais e notebook usado nas falsificações, 3 aparelhos celular e 33 holerites, um perfurador de placas para documento, além de 3 cadernos com identificação das vítimas. Após pesquisar o nome dele no sistema, os policiais descobriram que era foragido da penitenciária de Jardinópolis (SP). Depois disso os PMs foram até a residência onde estavam vivendo em Taboão e apreenderam todo o material usado para praticar os crimes citados. Houve confissão pela prática de falsificação para cometer crimes como abertura de contas em nome de laranjas, compras no comércio, além de falsificação para terceiros.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Jornal na Net

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.