Autônomo sofre golpe com troca de cartão dentro de banco de Piracicaba

Sem Comentários

20/10/2012

Um autônomo de 58 anos foi vítima de um golpe dentro de um banco no Centro de Piracicaba (SP), na sexta-feira (19). Ele foi abordado por dois homens na área reservada aos caixas eletrônicos depois de executar uma operação em um dos equipamentos. Até o momento do cancelamento, o banco informava que o prejuízo causado era de R$ 2,7 mil entre saques e uso do sistema de débito eletrônico para compras. Os estelionatários abordaram a vítima e disseram que ela não havia fechado a conta e seus dados ainda estavam disponíveis na tela. Quando o homem inseriu o cartão novamente na máquina, o objeto foi trocado pelos estelionatários sem que ele percebesse. Ao descobrir que havia perdido o cartão apenas 12 horas depois, o autônomo registrou um boletim de ocorrência no plantão da Polícia Civil. A descrição física dos criminosos foi passada à polícia, que irá investigar o golpe.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Morador do interior de SP cai em golpe de estelionatário em Araguari, MG

Sem Comentários

19/10/2012

Um morador de Bebedouro, São Paulo, foi vítima de estelionato em Araguari, no Triângulo Mineiro, nesta quinta-feira (18). A Polícia Militar (PM) informou que na quarta-feira (17) a vítima viu o anúncio de uma moto na internet que custava de R$ 5.500 e, pressionado por telefone pelo suposto vendedor, que disse que se ele não comprasse a moto logo seria vendida para outra pessoa, o paulista depositou o dinheiro. Contudo, quando a vítima foi até Araguari buscar o veículo e acabou descobrindo que o endereço passado era falso. A polícia ainda não tem pistas dos suspeitos.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Suspeito de aplicar golpe da casa própria é preso em Belém

Sem Comentários

19/10/2012

Um homem suspeito de estelionato foi preso pela Polícia Civil, em Belém. Segundo as informações da polícia, ele já teria enganado mais de cem pessoas através do golpe da casa própria, no qual se passava por funcionário da Companhia de Habitação do Pará. O suspeito está preso no Centro de Triagem do bairro da Cremação, em Belém. As informações foram divulgadas na última quinta-feira (18). O delegado encaminhou algumas vítimas do golpe para prestarem depoimento à polícia. Foram seis pessoas do bairro da Sacramenta, em Belém; três pessoas do município de Vigia de Nazaré, nordeste do estado; e outras duas pessoas do distrito de Icoaraci. Segundo a polícia, o suspeito pode ter recebido, no total, mais de R$ 50 mil com os golpes. Denúncias recebidas pela polícia mostram que o suspeito alegava às vítimas que, por ser funcionário da Cohab, iria agilizar a inclusão das vítimas no programa estadual para aquisição da casa própria. Para isso, ele cobrava valores a partir de R$ 100 de cada pessoa. Depois disso, quando o imóvel estava pronto para ser entregue, o suspeito cobrava mais R$ 1 mil para entregar as chaves das residências. Segundo o delegado, o suspeito já praticava o golpe há pelo menos 3 meses. A polícia informou que vai continuar as investigações para descobrir que são os comparsas do suspeito.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Comerciante de Paraíso cai em ‘golpe da lista telefônica’ e perde mais de R$ 5 mil

1 Comentário

18/10/2012

Um comerciante de Paraíso das Águas (MS), registrou um boletim de ocorrências por crime de estelionato, contra uma falsa empresa, que aplica golpes, já conhecidos pela polícia, denominado ‘Golpe da Lista Telefônica’. Habilidosa em falcatruas, a empresa oferece anúncio gratuito em lista telefônica. Quando o contratante concorda com a proposta e envia os dados para o estelionatário, começa uma grande dor de cabeça. Na semana seguinte após a contratação do falso ‘serviço gratuito’, começou uma cobrança no valor de R$ 1,2 mil, sob ameaça do nome ser negativado, a fim de preservar seu nome limpo, a vitima pagou o valor solicitado. Após pagar o boleto neste valor, na outra semana, novamente a ligação persistente e criminal, com a mesma habilidade de lábia e com os mesmos argumentos utilizados anteriormente, o estelionatário obrigou que a vitima pagasse o valor de R$ 4 mil, o que seria o equivalente ao rompimento do contrato com a empresa estelionatária. A vitima relatou à polícia, que a falsa empresa que aplica o golpe, faz ligações de São Paulo e até se identificam como funcionários do Fórum daquele estado, método de pressão psicológica.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: O correio news

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Homem é preso suspeito de aplicar golpe da casa própria em Belém

Sem Comentários

18/10/2012

Um homem foi preso em flagrante nesta quarta-feira (17), suspeito de praticar o crime do estelionato. Segundo as vítimas, ele fingia ser funcionário da Companhia de Habitação  e cobrava mais de R$ 1 mil para entregar as chaves do imóvel. A população, revoltada, chegou a agredir o suspeito após descobrir o golpe. De acordo com as vítimas, ele oferecia imóveis, fechava um falso negócio e cobrava mais R$ 1 mil em dinheiro para entregar as chaves da casa própria. O homem só foi preso porque uma das vítimas resolveu procurar a companhia para saber quando receberia as chaves da casa própria. Foi então que a pessoa descobriu que tudo não passava de um golpe. Na companhia informaram que os imóveis já tinham sido todos entregues e que ele não era funcionário do local. ”Nós ficamos aguardando a entrega das chaves, ele levou o pessoal lá no apartamento. Espero que ele pague pelo que ele fez. Ele não pode brincar com o sonho das pessoas”, afirmou uma das vítimas do golpe. O caso está sendo investigado na seccional da Cremação.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Acusado de golpe se apresenta e diz que vai devolver dinheiro

Sem Comentários

18/10/2012

O estudante de educação física, de 24 anos, acusado de aplicar um golpe na venda do pacote turístico para a 29ª edição da oktoberfest, em Blumenau (SC), se apresentou na terça-feira (16) na delegacia do 2º DP de Dourados e disse que devolverá o dinheiro. Ele foi ouvido pelo delegado responsável por apurar a denúncia das 51 pessoas que adquiriram o pacote turístico por R$ 700 e não tiveram todos os serviços do contrato fornecidos. O acusado informou ao delegado que no dia da viagem seguiu com seu carro particular na frente do ônibus dos turistas (todos de Dourados e região). Ele foi até a cidade de Balneário Camboriú, a 62 quilômetros de Blumenau. O motivo seria a busca de hospedagem para os turistas. O acusado, conforme relatou ao delegado, tentou contato com as pessoas do ônibus, mas não conseguiu falar com eles.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Correio do Estado

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Vítima de estelionato será indenizada em R$ 15 mil no PR

Sem Comentários

17/10/2012

Um banco foi condenado a indenizar uma vítima de estelionato que teve o carro financiado, mas não pago pela instituição. A 9ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Paraná acolheu o apelo do autor, aumentando o valor da indenização de R$ 10 mil para R$ 15 mil. O relator do recurso de apelação, desembargador, destacou a responsabilidade objetiva da instituição financeira: “não bastasse, por força do risco profissional, o banco tem a obrigação de analisar os documentos que lhe são apresentados com cautela e não instituir gravames nas propriedades de terceiros”. E quanto ao dano moral, observou: “ressalte-se que o dano moral é configurado através de qualquer alteração no bem-estar psicofísico do indivíduo ocasionado por ato de outra pessoa, que resulte em uma alteração desfavorável, uma dor profunda que cause modificações no seu estado anímico”.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Bonde

O BrSafe é a ferramenta ideal para evitar esse tipo de fraude. Clique e conheça.

Anterior Próximo