Suspeito de estelionato é preso pela PRF em Santa Luzia do Itanhy, SE

Sem Comentários

25/03/2013

Um homem, de 45 anos, foi preso durante uma fiscalização de rotina da Polícia Rodoviária Federal na BR 101, em Santa Luzia do Itanhy (SE), distante 76 km de Aracaju, no início da tarde deste domingo (24). De acordo com a PRF, contra o homem havia um mandado de prisão em aberto por crime de estelionato, que havia sido expedido pela Justiça de Sergipe. Ele seguia em um veículo utilitário quando foi abordado no Km 168 da rodovia.  O homem foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil, em Estância, a 68 km da capital.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Advogado é preso em Limeira suspeito de aplicar golpe do boleto

Sem Comentários

25/03/2013

Um advogado foi preso em Limeira (SP), suspeito de aplicar o golpe do boleto bancário e autuado por estelionato. De acordo com a polícia, o homem é apontado como como integrante de um grupo especializado em adulterar os números dos documentos de pagamentos de grandes empresas para transferir o valor para contas de terceiros. A prisão ocorreu na última sexta-feira (22), mas o caso só foi divulgado nesta segunda-feira (25). Policiais da 5ª Patrimônio (Delegacia de Investigações sobre Roubo a Bancos) do Deic (Departamento Estadual de Investigações Criminais) flagraram o advogado, acompanhado de um operador de máquinas, sacando R$ 10 mil e retirando um cheque administrativo de mais de R$ 200 mil. Segundo o Deic, o dinheiro, no valor de R$ 270 mil, havia sido desviado de uma cobrança de tributo de uma indústria de São Bernardo do Campo, no Grande ABC. O delegado , titular da 5ª Patrimônio,  afirma que o advogado foi detido no interior de uma agência bancária na avenida Piracicaba, no centro de Limeira. O operador de máquinas ‘alugava’ a conta-corrente para receber o dinheiro da fraude e depois repassar para os outros envolvidos. Os golpistas, de alguma maneira, conseguem informações sobre esses grandes pagamentos realizados por empresas. Adulteram o documento. Para o delegado, o golpe só é percebido quando “os órgãos públicos cobram a dívida em atraso”.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: R7

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Mulher é suspeita de aplicar ‘golpe do aluguel’ em pelo menos 6 pessoas

Sem Comentários

24/03/2013

O aluguel de uma casa localizada no Jardim América, em Araraquara (SP), , está causando transtornos para os potenciais inquilinos do local, que se dizem vítimas de um golpe. Pelo menos seis pessoas registraram um boletim de ocorrência na polícia contra a proprietária da casa, de 32 anos. Segundo as vítimas, houve pagamento adiantado da primeira parcela do aluguel, mas, mesmo após muito tempo de espera, a casa não foi entregue e nem o dinheiro foi devolvido. A Polícia Civil informou que levanta as informações para abertura de inquérito sobre o caso. Segundo a auxiliar de almoxarifado, C.C.S., a casa de um quarto, localizada na Avenida Taquaritinga, está sendo supostamente alugada para várias pessoas ao mesmo tempo, que pagam até R$ 360 como sinal da primeira parcela do aluguel ou deixam o chamado “cheque-caução” como garantia. “Cheguei na delegacia com o recibo do cheque que dei para ela e escrivã me disse: ‘mais uma’. Percebi que muita gente está sendo enganada e precisava denunciar para evitar que mais pessoas caíssem no golpe”, afirmou. A auxiliar de almoxarifado contou que percebeu que estava sendo enganada quando ela já tinha deixado o cheque de R$ 320 para a proprietária da casa, no dia 21 de fevereiro, e no dia da mudança a mulher disse que a inquilina que já morava lá antes estava com problemas e não podia sair da casa naquele momento. “No dia que fui ver a casa, antes de acertar o aluguel, ela mostrou que os móveis da antiga inquilina ainda estavam lá e tinha muita coisa encaixotada e dizia que ela sairia em breve, mas eu percebi que não existia inquilina nenhuma e que ela morava lá”, disse a auxiliar. Depois de não ter conseguido se mudar para a casa, elatentou recuperar o dinheiro, mas encontrou dificuldade em falar com a proprietária novamente. “O telefone que eu tinha dela não funcionava mais e então fui até lá depois que vi o anúncio da mesma casa, com o nome de outro proprietário no jornal”, relatou. No novo anúncio, o bairro de localização também foi alterado para Jardim Santa Clara, próximo ao Jardim América. “Fiquei esperando ela me atender no portão, quando chegou outra pessoa e eu perguntei quem era e me disse que foi olhar a casa para alugar, ela não atendeu ninguém e fui embora”. Segundo o 1º DP da Policial Civil de Araraquara um inquérito sobre o caso será aberto após o levantamento dos dados de todas as pessoas que se disseram vítimas de estelionato pela dona da casa. Segundo o 1º DP, pelo menos quatro boletins de ocorrência com seis vítimas foram registrados contra a mesma proprietária da casa e os casos começaram a ser registrados no início de março.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Aposentada é alvo de golpe de estelionato

Sem Comentários

22/03/2013
Na manhã da última quarta-feira (20), uma aposentada de 67 anos, foi alvo de um golpe de estelionato, e teve uma quantia grande de dinheiro levada pelas golpistas. A vítima informou na 90ª Delegacia de Polícia (DP), que por volta das 9 horas, foi abordada por duas mulheres. Uma delas disse a aposentada que teria ganho um prêmio de R$ 300.000 na loteria, porém não possuía como resgatar o valor ganho porque não teria os documentos em mãos. Depois de ser convencida pelas estelionatárias, a senhora foi convencida a pagar um valor para a dupla. A vítima foi ao banco e sacou R$ 1000, e também foi a um caixa eletrônico e sacou a mesma quantia, entregando tudo para as duas.Quando a senhora foi a uma loja fazer a copia de seus documentos, porque segundo as mulheres, que estavam dentro de um carro, iria ser preciso para retirar o prêmio, fugiram do local. A vítima foi até a agência bancária buscar os supostos R$ 300.000 de um prêmio da loteria. Chegando ao local, foi constatado que ela havia sido alvo de um golpe.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: A voz da cidade

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Trio é preso suspeito de estelionato em Pouso Alegre, MG

Sem Comentários

21/03/2013

Três homens foram presos suspeitos de estelionato nesta quinta-feira (21) em Pouso Alegre (MG). De acordo com a polícia, o objetivo do trio, que é de São Paulo (SP), era enganar pessoas para conseguir fazer saques de dinheiro em bancos. O número de pessoas que caíram no golpe não foi divulgado, mas segundo a polícia, uma mulher que desconfiou da atitude dos homens chamou a polícia e eles foram presos dentro de um carro, próximo ao quartel da PM. Os três já tinham passagens pela polícia.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Suspeitos de estelionato são flagrados em supermercado de SE

Sem Comentários

21/03/2013

Dois homens foram presos suspeitos de estelionato após tentarem efetuar compras utilizando cartões de crédito de terceiros em um supermercado localizado na Avenida Francisco Porto, Zona Sul e Aracaju (SE), na noite desta terça-feira (19). Segundo a polícia, após não conseguirem realizar o pagamento eles saíram do estabelecimento em direção ao shopping do Bairro Jardins. Um dos funcionários do supermercado avisou a polícia, que seguiu o veículo e abordou os suspeitos antes deles entrarem no shopping. Eles levaram a dupla de volta ao supermercado, onde foi reconhecida pelos funcionários.  Aos policiais eles apresentaram documentos falsos e carteiras de habilitação que pertenciam a outras pessoas. Ainda de acordo com a polícia, os homens foram acompanhados até a residência em que viviam no Conjunto Parque dos Faróis, em Nossa Senhora do Socorro (SE), na região metropolitana da capital, com o intuito de buscar os verdadeiros documentos. No entanto, ao chegarem ao local, os policiais encontraram vários documentos falsificados, com diversos nomes diferentes, mas todos com as fotos dos suspeitos. O caso foi encaminhado para a Delegacia Plantonista e será investigado pela Delegacia de Defraudações.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Casal discute relação no meio da rua e é preso por estelionato

Sem Comentários

19/03/2013

Um casal decidiu discutir a relação no meio da rua em Águas Claras, região administrativa do DF, e foi preso por estelionato. A confusão aconteceu na manhã desta segunda-feira (18) e uma pessoa que passava pelo local acionou a PMDF (Polícia Militar do DF) porque viu o homem agredindo a mulher. Ao chegaram no local, os policiais encontraram o casal brigando e com escoriações pelo corpo. Por conta da situação, o casal foi revistado e com os dois foram encontrados vários cartões de crédito e débito clonados. Neste momento, a mulher, que estava bastante nervosa, disse que o marido era estelionatário e que tinha vários outros cartões e produtos ilegais em casa. Os militares foram até a residência do casal e apreenderam um notebook, uma CPU, cinco pen-drives, duas mídias de CD, cartões magnéticos com diversas bandeiras, outros sem impressão e sem bandeira, duas impressoras e duas leitoras de cartão. Os dois foram levados para a delegacia, onde a ocorrência está registrada. Na delegacia, eles prestaram depoimento e, apesar de não terem registrado nenhum boletim por conta de agressão ou lesão corporal, foram autuados e detidos pelo crime de estelionato.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: R7

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Anterior Próximo