Presa dupla que falsificava documentos e aplicava golpes em bancos

Sem Comentários

30/01/2019

Dois homens suspeitos de aplicar golpes em bancos e no comércio foram presos em flagrante por agentes da Delegacia Estadual de Investigações Criminais (Deic). Com eles, os policiais apreenderam 11 carteiras de habilitação falsificadas, cartões bancários, além de um computador, e uma impressora que eram usados para as falsificações. Procurado pela Justiça de Goianira, onde tinha contra si dois mandados de prisão já expedidos, R.L.R., de 37 anos, era o líder do esquema. Ele foi preso junto com E.Y.F.S.C., de 27 anos, no Setor Planalto, no momento em que se preparava para aplicar mais um golpe. “O R. já é um velho conhecido da polícia e tem passagens por estelionato em Santa Catarina, no Distrito Federal, e em Goiás. Era ele mesmo quem falsificava, em sua casa, carteiras de habilitação e comprovantes de rendimento e endereço, depois abria contas em bancos, e estourava os limites dos cheques e cartões. De tempos em tempos ele contratava algumas pessoas para ajuda-lo nos golpes, e o E.Y. foi um deles, que veio de Brasília só para isso”, relatou o delegado adjunto da Deic. Somente em uma instituição bancária, segundo o delegado, o homem deu um prejuízo superior a R$ 10 mil. As investigações, que começaram em junho do ano passado, mostram que recentemente ele também tentou dar o golpe em uma concessionária de veículos, mas desistiu quando os funcionários desconfiaram dos documentos apresentados. A polícia trabalha agora no sentido de identificar novas vítimas e outras pessoas que também estariam atuando junto com a dupla. Os homens foram autuados em flagrante por estelionato, uso de documentos falsos, e associação criminosa.

Homem é preso após usar documentos falsos para sacar R$ 12,7 mil

Sem Comentários

30/01/2019

Nesta terça-feira (29), um homem de 49 anos foi preso após sacar, aproximadamente, R$ 13 mil em dinheiro de uma conta bancária usando documentos falsos. O autor do crime foi preso minutos depois de ter sacado o dinheiro em Mendonça. Segundo informações da Polícia Militar, o criminoso chegou na agência bancária e conseguiu sacar R$ 12.781, utilizando documentos falsos da vítima. Com base nas informações repassadas pelo banco, após suspeitar da atitude do homem, os policiais encontraram o criminoso portando os documentos falsos e o dinheiro sacado minutos antes. Ele foi preso em flagrante pelo crime de estelionato e uso de documentos falsos, sendo encaminhado para Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Rio Preto.

Homens com documentos falsos são presos na BR-101 em Alagoas

Sem Comentários

28/01/2019

Dois homens foram presos com documentos falsos em um trecho da rodovia BR-101 que passa pelo município de Joaquim Gomes, Zona da Mata de Alagoas. Conforme a Polícia Rodoviária Federal (PRF), eles estavam indo para Recife (PE) para aplicar um golpe no INSS. Os suspeitos foram presos por volta das 23h50 de domingo (27), no km 36 da rodovia. Os nomes deles não foram divulgados. Segundo a PRF, agentes do Núcleo de Operações Especiais (NOE) abordaram um veículo Fox, com placas de Salvador (BA). Os ocupantes apresentaram seus documentos e disseram que estavam indo para Recife. Os dois aparentavam nervosismo, e também não sabiam explicar com clareza o que fariam na capital pernambucana. Nesse momento, o homem que estava no banco do passageiro, confessou que a documentação apresentada era falsa, e que a verdadeira estava escondida na sola do seu sapato. Questionados pelos agentes, a dupla disse que estava indo em direção a Recife para encontrar outras duas pessoas que os levariam para uma agência do INSS na cidade. O objetivo disso era realizar a perícia médica e conseguir o benefício por invalidez de forma fraudulenta. No interior do veículo foram encontrados ainda um RG de Recife, um Cartão Nacional de Saúde (CNS), certidões de nascimento falsas, cartões de débito e crédito, requerimentos de benefício por incapacidade e relatórios médicos. Os suspeitos e o material apreendido foram levados para a Delegacia de Novo Lino. Eles foram autuados em flagrante por uso de documento falso e estelionato.

Dupla é presa suspeita de estelionato usando documentação falsa em Joaquim Gomes

Sem Comentários

28/01/2019

Na noite do Domingo (27), dois homens foram presos durante uma fiscalização em um trecho da BR-101, localizada no município de Joaquim Gomes, em Alagoas. A prisão foi feita pela Polícia Rodoviária Federal (PRF). De acordo com informações da polícia, os agentes do Núcleo de Operações Especiais (NOE) passavam no local, quando abordaram um automóvel, modelo Fox e com placa de Salvador. No momento, a dupla relatou que estava indo para Recife, em Pernambuco. Logo após, os agentes pediram os documentos pessoais dos suspeitos e notaram que eles ficaram nervosos e não respondiam, quando questionados, o motivo de estarem viajando para Recife. Ainda conforme a polícia, na ocasião, a dupla acabou confessando que estava indo à cidade para encontrar dois indivíduos que os conduziriam ao INSS para realizar uma perícia médica e conseguir um beneficio por invalidez de forma fraudulenta. Os nomes dos acusados não foram divulgados. Com eles, os agentes apreenderam um aparelho celular, documentos falsos e diversos cartões de crédito. Os suspeitos e o material foram encaminhados à delegacia de Polícia Civil (PC) do município de Novo Lino, onde foram autuados pelos crimes de documentação falsa e estelionato.

Grupo que fazia documentos falsos para aplicar golpes é preso em flagrante em Barueri

Sem Comentários

24/01/2019

Na terça-feira (23), policiais civis da Delegacia de Polícia do 1º Distrito Policial de Carapicuíba (DEMACRO) prenderam cinco pessoas por uso de documento falso, falsificação de documento público e associação criminosa. A prisão ocorreu na Vila Universal, em Barueri. Durante investigações, os agentes receberam informações que um imóvel estaria sendo utilizado como uma gráfica destinada para a produção de documentos falsos. No local, uma mulher foi surpreendida no momento em que produzia um documento falso, enquanto os demais suspeitos manipulavam espelhos de documentos. Foram apreendidos dois veículos, 90 folhas de cheque em branco, 47 espelhos de Carteira Nacional de Habilitação, um computador, um HD, uma impressora, fotografias e  diversos documentos. O grupo, preso em flagrante, confessou a prática de falsificação para obter vantagens ilícitas por meio de aplicação de golpes.

Três homens são presos com caminhonete roubada na BR-116, em Teófilo Otoni

Sem Comentários

24/01/2019

Na noite dessa quarta-feira (23), três homens foram presos com uma caminhonete roubada na BR-116, em Teófilo Otoni (MG). De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, eles foram abordados durante uma fiscalização e os policiais identificaram que o veículo foi roubado no Rio de Janeiro em junho de 2017. Ainda segundo a PRF, o motorista, de 43 anos, chegou a apresentar a documentação do veículo, mas os policiais identificaram indícios de falsificação. Os passageiros, de 49 e 45 anos, afirmaram que pertencem a uma igreja evangélica de Diadema (SP) e que viajavam para a Bahia para realizarem doações de donativos. Os homens disseram ainda que a caminhonete pertence a outro membro da igreja. Os três indivíduos foram encaminhados para a Delegacia Civil e devem respondem pelos crimes de uso de documento falso, receptação e adulteração de sinais identificadores de veículo automotor.

Casal é preso tentando transferir R$ 1 milhão usando documentos falsos

Sem Comentários

18/01/2019

A Polícia Civil prendeu em flagrante um casal dentro de uma agência bancária no município de Cabedelo, Região Metropolitana de João Pessoa, tentando transferir uma quantia de R$ 1 milhão usando documentos falsos. A dupla foi identificada como S.G.S. e T.S.S. Além da documentação falsa, foram apreendidos cheques que somavam mais de R$ 60 milhões e mais três carteiras de identidades falsas. O delegado responsável pela prisão informou que para conseguir a transferência, o casal tentou usar até uma procuração pública, com o nome do titular da conta de onde sairia o valor milionário. A dupla foi encaminhada à 7ª delegacia de Cabedelo e serão autuados pelos crimes de tentativa de estelionato, falsificação de documento público e uso de documento público.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: OP9

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Anterior Próximo