Idosa de 66 anos tenta abrir conta com documento falso e é presa, em Campos

Sem Comentários

18/09/2018

Uma idosa, de 66 anos, foi presa em flagrante tentando abrir uma conta em uma agência bancária na tarde de segunda-feira (17), no Distrito de Goytacazes, na Baixada Campista. Conforme informações da polícia, funcionários do banco desconfiaram da cliente porque as informações da conta de energia elétrica e da escrita não correspondiam. A carteira de identidade apresentada tinha a foto da suspeita, mas com o nome de outra pessoa. A falsa cliente foi presa em flagrante. Dentro da bolsa da idosa foi encontrada uma foto da pessoa que constava no documento falso. Indagada, a idosa contou aos policiais que um homem teria oferecido a quantia de R$ 2 mil para ela abrir a conta. Ele também teria a deixado perto da agência bancária. Ele estava em um carro preto, mas a mulher não soube informar o modelo do veículo. A suspeita saiu de Italva para abrir a conta em Campos. Ela foi encaminhada para 134ª DP/Centro, onde a ocorrência foi registrada.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Portal OZK

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Grupo tenta fazer compras com cartões clonados e vai parar na DP

Sem Comentários

06/09/2018

Na noite dessa quarta-feira (05), cinco pessoas foram detidas após tentarem fazer compras utilizando cartões de crédito clonados e documentos falsos, no hipermercado Extra, na Asa Norte. Durante a abordagem aos suspeitos, a Polícia Militar encontrou duas identidades falsas e sete cartões clonados. O grupo era composto por três homens e duas mulheres, e foi levado à 5ª Delegacia de Polícia (Área Central). Na DP, um dos rapazes, de 22 anos, e uma jovem, de 22, foram autuados em flagrante por uso de documento falso. Os outros três suspeitos foram liberados. O jovem disse que havia comprado o documento em uma feira, em Ceilândia. A comparsa dele disse ter ciência de que o documento era falso e que havia sido levada pelo resto do grupo para fazer compras. Todo o material foi apreendido.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Jornal de Brasília

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Faxineira é presa com mais de 100 documentos falsos em Sorocaba

Sem Comentários

05/09/2018

Em Sorocaba (SP), na tarde desta terça-feira (04), uma faxineira de 41 anos foi presa por uso de documentos falsos. Na casa dela, a polícia encontrou mais de 100 identidades falsificadas e a suspeita é que ela usava os documentos para conseguir crédito em bancos virtuais. Segundo a Polícia Civil, a foto da suspeita aparece em oito identidades, todos com nomes diferentes. No momento da abordagem, a mulher apresentou um documento falso aos policiais e, em buscas pela sua residência, a polícia também encontrou um cadastro com mais de 60 mil dados pessoais em um pen drive. A suspeita da polícia é de que esse banco de dados era usado para falsificar os documentos, como RGs e carteiras de habilitação. Com isso, a mulher solicitava os cartões de crédito para bancos virtuais. Duas máquinas de cartão também foram apreendidas. Em uma primeira análise dos documentos, pelo menos 20 boletins de vítimas já foram encontrados com empréstimos que chegam a R$ 47 mil. O uso de documento falso é considerado crime com pena de até seis anos de prisão. Todos os nomes que estão nas identidades serão investigados. A polícia busca saber se essas pessoas são vítimas ou se possuem envolvimento no esquema. Ela já tem passagens por tráfico de drogas, receptação e estelionato. A suspeita passou pela audiência de custódia nesta quarta-feira (05) e teve sua prisão em flagrante convertida em prisão preventiva.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Homem é preso suspeito de usar documento falso e dirigir carro clonado em Sabará, na Grande BH

Sem Comentários

05/09/2018

Na noite desta terça-feira (04), BR-381, em Sabará, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu um homem suspeito de usar documentos falsos e dirigir carro clonado. Segundo a PRF, M.C.S., de 30 anos, foi parado em uma operação de rotina. Ao verificar as placas, foi constatado que o carro era clonado. O Honda Fit havia sido roubado em março deste ano. Além do carro, o motorista apresentou documento de habilitação falso e foi preso por receptação de veículo com sinalização roubo. A ocorrência foi encaminhada para a Polícia Federal.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Homem é preso suspeito de se passar por policial em Manaus; munição de fuzil e documento falso foram apreendidos

Sem Comentários

02/09/2018

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), um homem foi preso usando documentos falsos e se passando por policial militar. Ele foi localizado durante a Operação Cavalo de Aço, no sábado (1º), no bairro da União, Zona Centro-sul de Manaus. O suspeito, de 34 anos, estava trabalhando como segurança em uma lanchonete na Rua Nazaré. Durante a abordagem policial, segundo a SSP, ele se identificou como policial militar, mas agentes descobriram que se tratava de um documento falsificado, de uso exclusivo de PMs. Com o falso policial, foram apreendidos um simulacro de arma de fogo, munição de fuzil 762, a identidade falsificada e um veículo Gol, vermelho. Em consulta ao portal de aplicativos Sinesp Cidadão, da Secretaria Nacional de Segurança Pública, não há registro de roubo ou furto para o veículo. O homem foi apresentado no 12º Distrito Integrado de Polícia (DIP), no bairro Flores, para os procedimentos cabíveis.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Homem é detido após apresentar documento falso durante concurso da PM

Sem Comentários

28/08/2018

Em Petrolina (PE), um homem foi detido após apresentar um documento falso durante o concurso da Polícia Militar. Ele foi levado para a Delegacia de Plantão e autuado em flagrante. Outras três pessoas também foram eliminadas na cidade, por portar celular em sala. Segundo o gerente geral de Articulação Social, também houve eliminações em Arcoverde e Caruaru por porte de celular em sala. No Recife, foram 16 pessoas eliminadas por portar celular e 18 por portar relógio. Outras duas pessoas estavam com pontos eletrônicos na capital pernambucana. O concurso contou com cerca de 81 mil inscritos e foi considerado um sucesso pela organização.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: NE 10

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

STJ manda soltar 3 homens investigados por dar golpe milionário em idoso em MS

Sem Comentários

27/08/2018

O Superior Tribunal de Justiça mandou soltar os três homens de Campo Grande, investigados por um golpe milionário em um aposentado do Rio de Janeiro. A advogada considerada a chefe da quadrilha, permanece presa. O habeas corpus do ministro cita apenas os nomes de três pessoas como beneficiadas. A juíza do caso determinou que o trio seja monitorado por tornozeleiras eletrônicas. Todos foram presos no mês passado, após inventarem uma dívida e conseguirem autorização judicial para sacar mais de R$5 milhões de reais da conta de um engenheiro aposentado que mora no interior do Rio de Janeiro. A investigação continua. Os três homens e a advogada respondem por estelionato, organização criminosa, falsidade ideológica e uso de documento falso.

Relembre o caso

A Ordem dos Advogados do Brasil em Mato Grosso do Sul (OAB/MS) abriu um procedimento administrativo pela suspeita de envolvimento de uma advogada com um golpe milionário contra um aposentado. Um grupo de Campo Grande teria conseguido roubar dinheiro da vítima com a venda fictícia de uma fazenda. A mulher aparece no processo como advogada do falso dono da fazenda. Ela pegou quase R$ 4 milhões, sob a justificativa de recebimento de honorários. J.G., que usava um RG falso, se passando por vendedor da propriedade e outros dois homens foram presos em flagrante tentando fazer a transferência de mais um R$ 1,8 milhão, com uma procuração falsa. O grupo conseguiu ter acesso ao dinheiro do aposentado do Rio de Janeiro, pela Justiça. O juiz, que a princípio deu ganho de causa ao grupo, disse que “foi enganado”.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Anterior