Falsário é preso no Detran por tentativa de fraude contra o sistema em Porto Velho

Sem Comentários

08/08/2019

Foi preso em flagrante, em Porto Velho, mais um falsário que tentou alterar dados da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), usando documento de identidade falso, confeccionado por ele mesmo. Segundo o corregedor-geral do Detran, o falsário que era objeto de investigação de vários órgãos de segurança, por suspeita de crimes similares e de outros não menos graves, começou a ser descoberto quando requereu no guichê da Coordenadoria Metropolitana de Trânsito (Cometran) a alteração de seus dados na CNH, indicando que seu antigo CPF havia sido cancelado. Suspeitando da incongruência das informações e do padrão diferente do documento de identidade que apresentou no guichê, o agente do Detran acionou o Corregedor da autarquia, que prontamente atendeu a ocorrência, adotou a medidas legais pertinentes e prendeu o sujeito, com o apoio da autoridade policial da 2ª Delegacia de Polícia Civil da Capital. A prisão desta quarta-feira ocorreu na área de atendimento ao cidadão na Cometran, quando o falsário tentou alterar os dados da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), apresentando, para tanto, uma cédula de identidade falsa confeccionada por ele mesmo há três anos, para burlar a Receita Federal e dificultar sua própria identificação, uma vez que usava um novo CPF, diferente do original, o que encobria sua vida criminosa e dificultava o trabalho da Polícia, já que é dono de uma extensa ficha criminal que inclui até estelionato.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Rondoniagora

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

PRF prende homem por uso de documento falso em Paraíso

Sem Comentários

02/07/2019

Na tarde desta terça-feira (02), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu um homem de 33 anos por uso de documento falso. A ocorrência foi registrada na BR-153 em Paraíso do Tocantins, região central do estado. Ao ser abordado pela fiscalização da PRF, o condutor de uma motocicleta informou que não portava o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) e apresentou a CNH com fortes indícios de adulteração. Após a equipe realizar consulta ao sistema de dados da PRF, foi constatado que se tratava de um documento falso. O infrator declarou que comprou a habilitação na cidade de Monte Carmelo (MG) em 2002 por 1.200 reais. O condutor foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil para as medidas cabíveis.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Surgiu

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Golpista tenta sacar R$ 13 mil usando documento falso de empresária em Limeira

Sem Comentários

13/06/2019

Na quarta-feira passada (12), uma empresária, de 35 anos, procurou a polícia para registrar uma tentativa de estelionato que sofreu. Uma golpista, com um documento falso, se passou por ela e tentou sacar uma quantia de R$ 13.700 na boca do caixa de uma agência bancária. Conforme informações da vítima, ela recebeu uma ligação de uma atendente do banco perguntado se ela teria tentado sacar a quantia, quando a mulher respondeu que não, foi chamada no banco para esclarecimentos. A funcionária da agência contou que uma mulher apresentou uma CNH falsa com o nome da empresária e uma assinatura de sua sócia, mas a foto não era a mesma pessoa que tentava sacar o dinheiro e nem da vítima. Quando o saque foi negado, a golpista se evadiu do local e não foi mais encontrada. A ocorrência foi registrada no 1º Distrito Policial de Limeira.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Rapidonoar

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Homem é preso por uso de documento falso em Cruz Alta

Sem Comentários

03/06/2019

Na manhã desta segunda-feira (03), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu um homem por uso de documento falso, na BR-158 em Cruz Alta. Segundo a polícia, uma caminhonete estava estacionada no acostamento com uma pane mecânica, quando o motorista de uma Dodge Ram parou para prestar auxílio. A PRF também parou no local para averiguar o fato. Foi solicitada a documentação ao motorista da Dodge Ram, quando constatou-se que a CNH apresentada tinha indícios de falsificação. Questionado, o homem de 34 anos, de Cruz Alta, informou que havia comprado o documento pela internet e recebido em casa. Ele é habilitado apenas nas categorias AB e estava usando uma carteira que permitia a condução de carretas (AE). Diante dos fatos, ele foi conduzido até a Delegacia de Polícia Civil de Cruz Alta para lavratura do flagrante.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Rádio Progresso

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Uso de CNH falsa termina com motociclista na delegacia

Sem Comentários

01/06/2019

Um homem, de 31 anos, foi preso por uso de documento falso ao ser abordado em uma fiscalização de trânsito, no Centro de Mesquita. O sujeito pilotava uma motocicleta, quando foi parado pelos policiais militares nesse fim de semana. Os militares pediram a CNH do condutor e a documentação do veículo. Os PMs, então, desconfiaram da autenticidade da carteira de habilitação do piloto da moto. O homem alegou que tirou o documento em Caxambu, no Sul de Minas Gerais, no período em que trabalhava na cidade. Os agentes notaram que o plástico do documento estava fora do lugar, havia indícios de adulteração na fotografia e no nome. Pelo número do registro, descobriu-se que era de outra pessoa. Assim, o homem confessou que pagou R$ 1 mil em 2014 para uma pessoa em Caxambu e recebeu o documento falsificado pelos Correios. O motociclista foi encaminhado para a delegacia de Polícia Civil e a motocicleta removida ao pátio credenciado pelo Detran.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Diário do Aço

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Homem é preso ao tentar renovar, pela segunda vez, carteira de habilitação falsa

Sem Comentários

31/05/2019

Em Guaraí (TO), a polícia prendeu um homem, de 42 anos, enquanto o mesmo tentava renovar uma Carteira Nacional de Habilitação (CNH). A prisão aconteceu porque o documento apresentado por ele era falso. A carteira sem validade já foi renovada uma vez, no Piauí. O delegado responsável informou que o homem tentava mudar a federação do documento na Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretran). A falsidade da carteira foi constatada após a realização de buscas de dados. No sistema foi possível identificar que não havia CNH vinculada ao suspeito. Os Policiais Civis começaram a investigar o caso e apuraram que o homem comprou a carteira falsa no Maranhão. O documento foi adquirido em 2014 por R$ 3 mil. Ainda segundo a polícia, a CNH sem validade já foi renovada uma vez no Piauí. No estado ele também obteve a habilitação definitiva. Ele foi preso em flagrante, levado para a delegacia e vai responder pelo crime de uso de documento falso.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

PRF prende homem por uso de documento falso

Sem Comentários

30/05/2019

Na manhã da quinta-feira (30), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu um homem de 34 anos por uso de documento falso. A ocorrência foi registrada por volta das 08h00, no km 1.0 da BR-226, em Aguiarnópolis/TO. Ao ser abordado pela fiscalização da PRF, o condutor do veículo apresentou a CNH com fortes indícios de adulteração. Após a equipe realizar consulta na base de dados da PRF, constatou-se que sua CNH venceu em 04/12/2017, entretanto o documento apresentado consta validade até 04/12/2019. No transcorrer das diligências, verificou-se ainda a existência de um mandado de prisão expedido em desfavor do homem. A prisão foi decretada em 08/01/2015 pela 2° Vara de Estreito/MA, no qual o condutor foi condenado pelo crime do Art. 54 – Lei de Crimes Ambientais. O homem declarou que desconhecia a existência do mandado, entretanto, em relação ao documento, informou que ele mesmo realizou a falsificação. Diante dos fatos, o condutor foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Tocantinópolis/TO para as medidas cabíveis.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Surgiu

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Anterior