Homem é condenado por apresentar carteira de habilitação falsa em blitz

Sem Comentários

19/07/2019

A decisão foi publicada no Diário da Justiça Eletrônico nesta quinta-feira (18). O crime de uso de documento falso está previsto no artigo 304, combinado com artigo 297, ambos do Código Penal. O réu alegou, em sua defesa, que tentou tirar a carteira mais de 20 vezes e, como não conseguiu, confessou que dirigia com documento falso.

O caso

O policial que realizou a abordagem afirmou que o réu entregou o documento e desde o início desconfiou que fosse falso, porque o papel era diferente. “Ele chegou a declarar que era autêntico, então fizemos a pesquisa e constatamos que ele não tinha habilitação”, disse o policial. A abordagem foi registrada em gravação audiovisual (que foi anexada aos autos processuais), seguida de prisão em flagrante.

O juiz titular da unidade judiciária, prolatou a condenação. “Conforme os elementos de prova apurados, o acusado fez uso de documento público falso. A confissão colhida confirmou os fatos e o modus operandi, bem como os motivos que o levaram a praticar o ato ilícito”, pontuou o magistrado. Então o Juízo da 3ª Vara Criminal da Comarca de Rio Branco condenou o homem por apresentar a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) falsa, em blitz. A pena arbitrada foi substituída por prestação de serviço à comunidade, com jornada semanal de seis horas, mais prestação pecuniária de um salário mínimo.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: ContilNet

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

 

Caminhoneiro é flagrado com CNH com validade adulterada

Sem Comentários

15/07/2019

Neste domingo (14), um motorista de caminhão de 44 anos, foi flagrado com a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) com a validade adulterada. 

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o homem, ao ser abordado, apresentou os documentos para a fiscalização e, ao realizar as consultas no sistema, foi verificado que a CNH do condutor estava vencida desde o ano de 2017. Sendo que na CNH que o homem apresentou a validade era apenas em 2024, ou seja, a PRF confirmou a falsificação e adulteração.

Dado os fatos, o homem foi encaminhado para a 88ª Delegacia de Polícia (DP) para as devidas providências legais, onde o mesmo foi autuado pelo crime de uso de documento falso.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: A Voz da Cidade

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Adolescente apresenta documento falso à Polícia e acaba apreendido

Sem Comentários

14/07/2019

Neste domingo (14), foi apreendido um adolescente de 17 anos pela Polícia Militar de Cascavel (PR). O rapaz estava pilotando uma moto quando foi abordado pela equipe policial na Avenida Brasil. A Polícia constatou de que o documento que ele apresentou era falso, sendo que teria sido alterada a idade para 18 anos. Ele foi encaminhado para a delegacia para os procedimentos cabíveis. A moto foi apreendida e encaminhada para o pátio da Polícia Militar.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: CGN

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Idoso é preso após ser flagrado dirigindo com CNH falsa em rodovia de Cosmópolis, SP

Sem Comentários

05/07/2019

Na manhã desta sexta-feira (5), a Polícia Militar Rodoviária (PMR) flagrou um idoso de 73 anos dirigindo com Carteira Nacional de Habilitação (CNH) falsa em Cosmópolis (SP). O suspeito foi preso.

Policiais faziam patrulhamento na Rodovia SP-133, que liga Cosmópolis a Limeira, e viram que o condutor aparentava nervosismo. Os agentes fizeram a abordagem e desconfiaram da documentação. Ao consultarem informações via sistema, descobriram que a CNH estava vencida desde 2016.

A PMR afirmou que o idoso confessou ter pago R$ 2 mil pela CNH falsa em São Caetano do Sul (SP). Ele foi levado à Delegacia de Cosmópolis e permanece preso. Não foi arbitrada fiança e o caso foi registrado como falsificação de documento.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

PRF prende homem por uso de documento falso em Paraíso

Sem Comentários

02/07/2019

Na tarde desta terça-feira (02), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu um homem de 33 anos por uso de documento falso. A ocorrência foi registrada na BR-153 em Paraíso do Tocantins, região central do estado. Ao ser abordado pela fiscalização da PRF, o condutor de uma motocicleta informou que não portava o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) e apresentou a CNH com fortes indícios de adulteração. Após a equipe realizar consulta ao sistema de dados da PRF, foi constatado que se tratava de um documento falso. O infrator declarou que comprou a habilitação na cidade de Monte Carmelo (MG) em 2002 por 1.200 reais. O condutor foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil para as medidas cabíveis.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Surgiu

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Golpista tenta sacar R$ 13 mil usando documento falso de empresária em Limeira

Sem Comentários

13/06/2019

Na quarta-feira passada (12), uma empresária, de 35 anos, procurou a polícia para registrar uma tentativa de estelionato que sofreu. Uma golpista, com um documento falso, se passou por ela e tentou sacar uma quantia de R$ 13.700 na boca do caixa de uma agência bancária. Conforme informações da vítima, ela recebeu uma ligação de uma atendente do banco perguntado se ela teria tentado sacar a quantia, quando a mulher respondeu que não, foi chamada no banco para esclarecimentos. A funcionária da agência contou que uma mulher apresentou uma CNH falsa com o nome da empresária e uma assinatura de sua sócia, mas a foto não era a mesma pessoa que tentava sacar o dinheiro e nem da vítima. Quando o saque foi negado, a golpista se evadiu do local e não foi mais encontrada. A ocorrência foi registrada no 1º Distrito Policial de Limeira.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Rapidonoar

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Homem é preso por uso de documento falso em Cruz Alta

Sem Comentários

03/06/2019

Na manhã desta segunda-feira (03), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu um homem por uso de documento falso, na BR-158 em Cruz Alta. Segundo a polícia, uma caminhonete estava estacionada no acostamento com uma pane mecânica, quando o motorista de uma Dodge Ram parou para prestar auxílio. A PRF também parou no local para averiguar o fato. Foi solicitada a documentação ao motorista da Dodge Ram, quando constatou-se que a CNH apresentada tinha indícios de falsificação. Questionado, o homem de 34 anos, de Cruz Alta, informou que havia comprado o documento pela internet e recebido em casa. Ele é habilitado apenas nas categorias AB e estava usando uma carteira que permitia a condução de carretas (AE). Diante dos fatos, ele foi conduzido até a Delegacia de Polícia Civil de Cruz Alta para lavratura do flagrante.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Rádio Progresso

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Anterior