Suspeitos de Estelionato São Presos com CNH Falsa em Catanduva

Sem Comentários

11/06/2018

Dois homens, um de 26 e outro de 25 anos, suspeitos de estelionato, foram presos com uma Carteira Nacional de Habilitação (CNH) falsa em Catanduva (SP). Conforme informações do boletim de ocorrência, a dupla teria realizado compras em pelo menos quatro estabelecimentos comerciais da cidade. O pagamento seria feito com cartões de crédito de vítimas que, de acordo com a polícia, eram induzidas pelos estelionatários a entregarem os cartões, pensando que eles estavam clonados e que seriam recolhidos por funcionários do banco. Depois de uma ligação feita pelos suspeitos diretamente de São Paulo, as vítimas eram convencidas de que o cartão estaria clonado, sendo orientados, pelos supostos estelionatários sobre o bloqueio. As vítimas ligavam para o Serviço de Atendimento ao Cliente da operadora dos cartões, mas os estelionatários continuavam na linha e deixavam, conforme aponta a investigação, a ligação presa.

“Enquanto elas ligavam para o SAC, na verdade voltavam a conversar com o mesmo interlocutor. Os autuados estavam hospedados em hotel, onde foram apreendidos objetos que vieram do comércio de Catanduva, além de dinheiro sacado do caixa eletrônico com o cartão da vítima”, informa o boletim de ocorrência. No total, os produtos tinham valor estimado em R$ 20 mil. Foi apreendida com a dupla uma CNH que apresentava dados de outra pessoa com a foto de um dos estelionatários. A dupla foi encaminhada ao Plantão Policial, onde foi decretada a prisão em flagrante. De lá, eles foram levados a Cadeia de Catanduva, onde estão à disposição da Justiça.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: O Regional

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

PRF prende quatro pessoas e apreende três carros em Guaíra

Sem Comentários

06/06/2018

Na terça-feira (05), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu três carros e prendeu quatro pessoas em Guaíra (SP). Em apenas uma ocorrência, foram presos três homens e dois carros foram apreendidos- um deles roubado. Depois, em outra ocorrência, mais um homem foi preso conduzindo outro veículo roubado.

Agentes da PRF abordaram uma VW/Saveiro, ocupada por um homem e, durante a vistoria, os policiais verificaram que a caminhonete havia sido furtada em setembro do ano passado, em Campinas (SP). O motorista disse que pegou o carro em Umuarama com o objetivo de realizar compras em Ponta Porã (MS). O homem disse que desconhece a origem ilícita do veículo. Ele foi preso em flagrante por receptação e uso de documento falso.

Na frente da  Saveiro, seguia um Renault Logan, ocupado por dois homens. Eles disseram que estavam juntos e que estavam em acompanhamento pelo mesmo trajeto de compras do motorista da Saveiro. Em vistoria pelo veículo, foi verificado pelos policiais que havia um Certificado de Registro do Veículo (CRV) preenchido com dados falsos. Ambos foram presos por estelionato, pelo documento preenchido falsamente.

Em seguida, os policiais rodoviários federais abordaram outra VW/Saveiro e verificaram que se tratava de outro carro roubado, este em fevereiro do ano passado, em Porto Alegre (RS). Segundo o motorista, que não é habilitado, ele retirou o carro na rodoviária de Cascavel (PR) e o levaria até Salto de Guairá (Paraguai). O homem foi preso em flagrante pelo crime de receptação e uso de documento falso.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: O Paraná

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Homem se passa por policial em barreira na BR-060 e acaba preso

Sem Comentários

15/05/2018

Na noite desta segunda-feira (14) na BR 060, na Unidade Operacional da Polícia Rodoviária Federal (PRF), saída para Guapó (GO), um homem de 37 anos de idade foi preso por apresentar documento falso à polícia. Conforme a PRF, agentes deram ordem de parada a uma caminhonete Toyota Hilux que seguia no sentido Guapó/Goiânia, ocupada por quatro homens, e ao checar a documentação do veículo e dos passageiros, um deles apresentou-se como policial civil em Goiás. Ao se identificar para os agentes, o cidadão apresentou-se com atitude e comportamento inadequados para um agente de polícia, situação que levou os policiais suspeitarem da profissão do homem abordado. Após consultar a identidade funcional nos sistemas da Polícia Rodoviária Federal, os agentes constataram que o documento era falso, ele pertencia a uma agente da Polícia Civil de Goiás e tinha ocorrência de furto em 2011. O homem foi detido e encaminhado para o 4º DP em Aparecida de Goiânia e foi enquadrado por uso de documento falso.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Diário de Goiás

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Foragido tenta enganar policiais com documentos falsos, mas acaba preso

Sem Comentários

11/05/2018

Um homem foragido, de 32 anos, foi preso por policiais do Serviço de Investigação e Captura (Sevic) do 1º DP de Porto Velho na manhã desta sexta-feira (11). A prisão aconteceu em uma residência localizada no Bairro Airton Senna, na Zona Leste de Porto Velho. No momento da prisão ele apresentou vários documentos falsos. Os policiais informaram que receberam denúncia anônima de que na residência havia um foragido da Justiça, e durante as investigações os policiais constataram dois mandados de prisão contra ele pelos crimes de furto qualificado e roubo. No momento da prisão, o criminoso apresentou vários documentos falsos para os policiais com o nome de outra pessoa. Ainda segundo os policiais, o homem apresentou o mesmo documento para policiais militares durante uma abordagem. Após alguns minutos de conversa, ele entrou em contradição e acabou revelando seu verdadeiro nome. A polícia irá indiciar o criminoso pelo crime de uso de documento falso.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Rondoniagora

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Motorista compra CNH falsa por R$ 1,2 mil, mas acaba preso em flagrante durante fiscalização em rodovia

Sem Comentários

08/05/2018

Nesta segunda-feira (07), em Rancharia (SP), a Polícia Militar Rodoviária prendeu em flagrante um auxiliar de tratorista, de 31 anos, por uso de documento falso. Ele foi abordado pela fiscalização no km 518 da Rodovia Prefeito Homero Severo Lins (SP-284), quando conduzia um veículo GM Classic, com placas de Birigui (SP), e apresentou aos policiais uma Carteira Nacional de Habilitação (CNH) que gerava dúvida quanto à sua autenticidade. Os militares realizaram a consulta do documento junto ao terminal e não foi localizado o registro na base de dados, o que confirmou a situação de falsidade. Conforme a corporação, o homem alegou que havia adquirido a CNH falsa em Regente Feijó, na empresa em que trabalhava, de um outro funcionário, do qual não recordava o nome, pelo valor de R$ 1,2 mil. Ele recebeu voz de prisão em flagrante pelo crime de uso de documento falso e a ocorrência foi apresentada na Delegacia da Polícia Civil, em Rancharia, onde houve a apreensão da CNH.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Condutor é preso após apresentar documento falso e com cerca de 80 multas pendentes em Monte Alegre de Minas

Sem Comentários

26/04/2018

Um homem de 59 anos foi preso na noite desta quarta-feira (25) no km 691 da BR-365, em Monte Alegre de Minas, após entregar documento falso de um veículo com cerca de 80 multas vencidas. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou que fazia operação durante uma exposição agropecuária da cidade, quando abordou o veículo com placas de Belo Horizonte. Ao checar o documento, os policiais constataram que além de falso, o licenciamento que teria sido pago no dia 23 de janeiro deste ano, na verdade tinha débitos, e que as multas ultrapassavam R$ 14 mil. Além disso, a PRF informou que o veículo está no nome de uma empresa que pertence ao condutor. Ele alegou que pegou o documento com um despachante e que desconhecia a situação carro. O condutor foi detido em flagrante por uso de documento falso e em seguida encaminhado para a Delegacia de Polícia Federal (PF) em Uberlândia para prestar esclarecimentos.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Homem é preso após apresentar CNH falsa para polícia em Mogi

Sem Comentários

09/04/2018

Em Mogi das Cruzes (SP), um pedreiro, de 39 anos, foi preso ao apresentar uma Carteira Nacional de Habilitação (CNH) falsa durante uma abordagem policial. O carro onde ele estava levantou suspeitas, já que a placa traseira estava sem a tarjeta e também pelo fato dele transportar dois pneus. A abordagem aconteceu na Rua João Batista Monteiro, na Vila Pomar, na tarde deste domingo (08). Apesar do carro estar sem a tarjeta na placa, nada de irregular foi encontrado na sua documentação ou na numeração do motor e chassi, por exemplo. No momento em que o motorista entregou a CNH os policiais já desconfiaram que o documento fosse falso. Conforme o boletim de ocorrência, a numeração do documento continha muitos números, a textura do papel e a foto em relevo também chamaram a atenção dos policiais. Através do nome do motorista, os policiais não encontraram nenhum registro de que ele tivesse habilitação. Em seguida, o pedreiro confessou que não era habilitado e que comprou o falso documento em Brás Cubas pelo valor de R$ 2 mil. O homem ainda detalhou que fez a compra da CNH depois de ver um anuncio em um telefone público. O pedreiro recebeu voz de prisão e foi levado para o 2° Distrito Policial, onde a ocorrência foi registrada. Como a pena para o crime de uso de documento falso passa de quatro anos de detenção, não foi oferecida fiança para que o suspeito respondesse em liberdade.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Anterior