Polícia da PB prende dupla suspeita de aplicar golpe do ‘bilhete premiado’

Sem Comentários

04/07/2018

Mais duas pessoas foram presas na terça-feira (03) suspeitas de aplicarem o golpe do “bilhete premiado” em mais de 50 vítimas na Paraíba. A operação da Delegacia de Defraudações e Falsificações de Campina Grande e do Grupo de Operações Especiais da Polícia Civil da Paraíba (GOE) realizou a prisão de um homem e de uma mulher na Zona Rural da cidade de Sertânia, em Pernambuco. A polícia da Paraíba se deslocou até a cidade de Caruaru, em Pernambuco, com o objetivo de cumprir dois mandados de prisão preventiva contra os suspeitos. No entanto, chegando na cidade, descobriram que eles já haviam fugido, quando souberam da prisão de duas pessoas envolvidas no mesmo golpe, no dia 19 de junho, em João Pessoa. Com apoio da Polícia Civil de Pernambuco e da Polícia Rodoviária Federal (PRF), foi possível localizar os suspeitos na Zona Rural de Sertânia. Eles são apontados como envolvidos em vários casos de estelionato na Paraíba.

Golpe do ‘bilhete premiado’

Segundo o titular da delegacia de Defraudações e Falsificações de Campina Grande, o golpe do “bilhete premiado” é feito, normalmente, por uma pessoa aparentemente simples, humilde e analfabeta. As principais vítimas são mulheres idosas que são abordadas com um pedido de ajuda. O suspeito informa que precisa localizar algum endereço para poder receber um bilhete premiado e, em seguida, oferece uma proposta de gratificação pela ajuda. A partir desse momento, a vítima acredita que receberia a gratificação e acaba aceitando a proposta do suspeito. Geralmente, outra pessoa também está envolvida no golpe, para fazer a vítima acreditar que estão falando a verdade.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Comentários

*