PF realiza operação de repressão a fraudes bancárias na internet

Sem Comentários

16/09/2016

Foi deflagrada nesta sexta-feira (16), pela Polícia Federal (PF), a Operação Patrocínio, que visa identificar uma organização criminosa que movimentou mais R$ 500 mil de um banco entre outubro de 2012 e abril de 2013. Sessenta policiais cumprem 13 mandados de busca apreensão: dez no Distrito Federal, dois em Goiás e um em São Paulo. Conforme comunicado da PF, os suspeitos terão que esclarecer transferências ilícitas que receberam nas contas, assim como sobre a invasão de uma conta bancária realizada por acessos ilícitos ao Internet Banking de um banco. Os responsáveis pelos crimes devem responder por furto qualificado, por participação em organização criminosa, e, eventualmente, por quebra de sigilo bancário, devido à invasão da conta do banco. As penas somadas podem chegar a 20 anos de prisão e multa, assim como a devolução do dinheiro recebido indevidamente. A PF afirma, durante a operação, que foram apreendidos notebooks, smartphones, pen drives, tablets, HDs externos, cartões de memória e outros equipamentos e documentos que indicam relação entre os envolvidos na fraude. O material recolhido será periciado.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Diário de Pernambuco

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Comentários

*