Grupo preso com 42 cartões bancários furta clientes em agências há cinco meses, diz Polícia Civil

Sem Comentários

04/04/2018

Foram presos em flagrante nesta quarta-feira (04), dois homens, de 43 e 42 anos, e uma mulher de 25, com 42 cartões bancários furtados. A prisão, realizada pela Polícia Militar (PM), ocorreu em Cordeirópolis (SP). Conforme a Polícia Civil, o trio pratica furtos no interior de agências desde outubro do ano passado. A prisão ocorreu após a PM receber uma denúncia de que um carro modelo Jetta com placas de São Paulo percorria Cordeirópolis em atitude suspeita. Segundo o boletim de ocorrência, uma equipe abordou o veículo e os dois homens já admitiram que eram estelionatários. Dentro do veículo, os policiais encontraram os cartões de banco e uma Carteira Nacional de Habilitação (CNH) de uma mulher, que a dupla presa em flagrante afirmou não conhecer. Quando os PMs levavam o carro para a delegacia, a suspeita apareceu na rua e fez sinal para que parassem. Ela ainda tentou correr quando viu que eram policiais que estavam no carro, mas foi abordada e também levada para o distrito policial. Os três suspeitos são da capital.

Grupo especializado

Na delegacia, a mulher admitiu para a Polícia Civil que viajou para Cordeirópolis para realizar furtos, mas que foi presa antes. Os dois homens negaram e disseram que estavam na cidade para procurar emprego. Os cartões, segundo eles, teriam sido comprados em São Paulo. A investigação da Polícia Civil apontou que pelo menos duas vítimas foram furtadas, sendo uma em Caraguatatuba (SP), no ano passado, e outra em Piracicaba (SP). Outra pessoa foi vítima de estelionato em Araras (SP) neste ano e houve, ainda, um boletim eletrônico registrado por extravio em 2016. A Polícia Civil determinou a prisão em flagrante do trio por Associação Criminosa e Receptação. Eles foram levados para a Cadeia Pública de Limeira (SP) e o carro também foi apreendido.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Comentários

*