Golpe em venda de cartas de crédito é alvo de investigação em Franca, SP

Sem Comentários

13/05/2018

Em Franca (SP), a Polícia Civil investiga um homem suspeito de aplicar golpes com a venda de cartas de créditos contempladas. Segundo o delegado responsável pelas investigações, ao menos 30 pessoas registraram boletins de ocorrência relatando terem sido vítimas. Elas afirmam que, diante da falsa promessa de terem cartas de crédito contempladas – o que permitiria o acesso a um determinado valor em dinheiro para aquisição de bens como veículos e imóveis -, elas afirmam terem perdido recursos financeiros. Além da prática de estelionato, a polícia apura a articulação de uma organização criminosa na aplicação dos golpes. Um suspeito, apontado como o empresário responsável, chegou a ser alvo de um pedido de prisão, mas a Justiça o mantém em liberdade. Uma das pessoas a procurar a polícia foi um vendedor. Ele afirma que perdeu R$ 15 mil, incluindo um carro de R$ 12 mil, para tentar adquirir uma carta de crédito de R$ 60 mil e comprar um carro melhor. “Fiquei conhecendo através da internet e um amigo meu também me deu referência, que ele tinha feito”, relata. Além da carta de crédito que não veio, o vendedor ficou no prejuízo e afirma que não conseguiu encontrar os responsáveis. De acordo com a Polícia Civil, o caso é apurado desde março. O empresário apontado pelas vítimas chegou a prestar depoimento, mas foi liberado. A sede da empresa, na Avenida Santa Cruz, está fechada e ninguém foi encontrado no local. O delegado confirma já ter ouvido em torno de 20 vítimas e já ter levantado informações sobre a empresa. Ele avalia um novo pedido de prisão do suspeito e também apura o envolvimento de diferentes pessoas no golpe em Franca e outras cidades da região.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Comentários

*