Ex-funcionário de empresa de crédito é preso por estelionato em Governador Valadares

Sem Comentários

25/07/2017

Na manhã da terça-feira (25), em Governador Valadares (MG), um jovem de 22 anos foi preso por suspeita de estelionato; a Polícia Civil cumpriu mandado de prisão preventiva e de busca e apreensão na residência do suspeito, no bairro Floresta. Na casa dele foram apreendidos diversos cartões, além de pendrives e computador, de onde foi confirmado que o suspeito tinha acesso à informações privilegiadas da empresa de crédito que fornecia os cartões que foram clonados. O jovem é ex-funcionário da empresa e não tinha passagem pela polícia. A delegada responsável aponta que a quadrilha já era monitorada há cerca de um ano, mas até pouco tempo não havia provas materiais contra os suspeitos, mas, a situação mudou há cerca de duas semanas, quando três homens foram presos em flagrante em uma ação da Polícia Militar. Durante a prisão foram apreendidos diversos materiais utilizados na clonagem de cartão de crédito. “Eles clonavam os cartões de crédito com toda a aparelhagem, com todo o auxílio, com todas as informações privilegiadas. Eles faziam compras em diversos estabelecimentos e, após a compra desses produtos, revendiam para ter o valor em espécie”, explicou. Foram apreendidos, até o momento, 30 cartões clonados; o prejuízo inicial é de aproximadamente R$ 40 mil. A delegada conta que o jovem preso nesta terça-feira confessou participar do esquema, mas os demais membros da quadrilha permaneceram calados durante o interrogatório. Os suspeitos vão responder pelos crimes de estelionato, falsificação de documento e associação criminosa. As investigações vão continuar a fim de descobrir se mais crimes foram cometidos e se mais pessoas participaram do esquema.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Comentários

*