Suspeito de cobrar R$ 500 por documentos falsos é preso no Ceará

Sem Comentários

04/12/2019

Um jovem de 21 anos foi preso na noite desta terça-feira (3) dentro de casa, em Pacatuba, suspeito de falsificar documentos. O jovem foi localizado após denúncias anônimas recebidas pela Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops). Ele confessou que cobrava até R$ 500 para confeccionar um RG, por exemplo, mas ele também fazia outras falsificações. Na casa do suspeito foram apreendidos documentos falsos, papéis do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) e um notebook onde o homem fazia a contabilidade do serviço ilícito. Conforme o delegado, da Delegacia Metropolitana de Maracanaú, responsável pelo caso, o jovem possui antecedentes criminais por estelionato, corrupção ativa e falsificação de documentos. Ele foi autuado novamente por estelionato.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: TNH1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Jovem cai em golpe ao fazer compra em site falso

Sem Comentários

04/12/2019

Um homem de 26 anos perdeu R$ 630 nesta sexta-feira em Dourados depois e entrar num site falso de uma loja de varejo e comprar um suposto ar-condicionado. Conforme ocorrência, ele viu na internet, pela promoção black friday, o aparelho de ar na promoção, quente e frio. Ao gostar do preço confirmou a compra e efetuou o pagamento por depósito. Na sequência, tentou entrar em contato com a empresa fake, para comunicar que o pagamento foi em nome de um homem que tem conta num banco na cidade de Faxinal do Guedes/SC. Como não teve resposta, a vítima procurou a delegacia, sendo constatado que o dono da conta tem residência fixa em Imperatriz/MA. O caso foi registrado como estelionato.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Progresso

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Idosa cai em golpe do bilhete premiado e tem prejuízo de R$ 10 mil em Minas Gerais

Sem Comentários

04/12/2019

Uma idosa de 65 anos foi vítima do golpe do bilhete premiado em Araxá(MG) nesta terça-feira (3). Segundo a Polícia Militar (PM), o prejuízo foi de R$ 10 mil. A vítima disse à PM que uma mulher se aproximou dela e disse que não era da cidade. A criminosa pediu ajuda para ir a uma agência bancária e, no caminho, outra mulher apareceu e apresentou o falso bilhete premiado. Ela pediu para a vítima tirar o prêmio e, ao chegar agência, uma das mulheres ligou para uma terceira pessoas que, no viva voz, confirmou os números falsos sorteados. A golpista afirmou que não poderia sacar o dinheiro por causa da religião e vendeu o bilhete para a idosa por R$ 10 mil que sacou o dinheiro e pagou à mulher que fugiu. A idosa percebeu que tinha caído em um golpe quando chegou em casa e chamou a polícia. Ninguém foi preso.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Jovem é preso em flagrante ao tentar comprar carro com documentos falsos no Espírito Santo

Sem Comentários

04/12/2019

Um jovem de 21 anos foi preso em flagrante ao tentar realizar o financiamento e a compra de um veículo com documentos falsos. A prisão dele foi efetuada por uma equipe da Delegacia Especializada de Crimes de Defraudações e Falsificações (Defa), na tarde de terça-feira (03), no município da Serra(ES). Segundo a a delegada responsável no caso, o suspeito tentava realizar a aquisição do bem, utilizando dados pessoais de terceiros. “A compra chegou a ser aprovada na concessionária, mas o banco responsável entrou em contato com o verdadeiro dono dos documentos. A vítima, então, procurou a nossa unidade policial para realizar a denúncia”, explicou a delegada. A partir das informações, policiais civis foram até o local e encontraram o suspeito no ato da assinatura do contrato de compra e venda do veículo. Com isso, foi dada a voz de prisão. o jovem foi autuado pelo crime de estelionato, uso de documento falso e falsidade ideológica.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Folha Vitória

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Bandidos usam telefone 0800 falso para aplicar golpes em clientes de caixas eletrônicos

Sem Comentários

03/12/2019

Criminosos têm criado números de telefone falsos, com o prefixo 0800, para se passar por funcionários de bancos e conseguir senhas de cartões para aplicar golpes, de acordo com a Polícia Civil. Segundo a corporação, no Recife, uma das vítimas, um idoso, chegou a ter R$ 7,5 mil roubados da conta, depois que teve o cartão preso por um caixa 24 horas e passou dados pessoais por meio de uma suposta central de atendimento. A vítima informou, em depoimento, que foi orientada por um dos criminosos a ligar para um número 0800 para tirar o cartão da máquina. O telefone, no entanto, era da quadrilha e um bandido foi quem atendeu. Eles conseguiram sacar R$ 1,5 mil e fazer duas transferências de R$ 3 mil cada, totalizando R$ 7,5 mil. Uma foto feita em Salvador, na Bahia, onde o mesmo golpe foi registrado, mostra um adesivo colocado ao lado do teclado do caixa eletrônico. O material mostra um número 0800, supostamente usado para suporte pela empresa dos caixas. O adesivo é vermelho e se parece muito com os que se vê nos caixas eletrônicos.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Mulher é presa no Ceará tentando fazer prova de vida de pessoa já morta

Sem Comentários

27/11/2019
.
Servidores da Agência de Previdência Social de Canindé perceberam a fraude e chamaram a polícia para averiguar a situação. Em ação da Força-Tarefa Previdenciária, a Polícia Federal prendeu, na última quarta (20), uma mulher que tentava fazer prova de vida de uma beneficiária sabidamente já falecida. A detenção ocorreu na Agência da Previdência Social em Canindé (CE). O benefício pretendido era uma aposentadoria por idade. A polícia foi acionada pelos servidores da agência, que perceberam a tentativa da prova de vida falsa. Após a prisão, foram detectados outros benefícios em nome da pessoa detida em flagrante.
.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Previdência

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Golpe do falso emprego cresce 174% em 2019

Sem Comentários

27/11/2019

As falsas ofertas são divulgadas principalmente por aplicativos de troca de mensagens, por meio de links quase idênticos aos de marcas famosas, geralmente com a alteração de um ou dois caracteres. Ao clicar no link, o usuário é incentivado a responder uma pesquisa para concluir o suposto cadastro e, posteriormente, compartilhar o link malicioso com seus contatos. Depois do compartilhamento, o usuário é direcionado para uma página falsa e induzido a informar as credenciais de acesso (login e senha) de redes sociais ou informações pessoais, como nome completo e CPF. “O grande diferencial deste ataque é que, ao ter acesso às credenciais de redes sociais do usuário, como login e senha, o golpista pode se passar por ele para espalhar outros golpes entre seus contatos, além de criar lives e publicações patrocinadas para aumentar a viralização do link malicioso”. Os dados pessoais e credenciais de acesso de redes sociais das vítimas podem ser utilizados ainda para fraudes financeiras, como solicitação de empréstimos indevidos, compras e abertura de empresas falsas.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Hoje em Dia

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Anterior