Polícia Civil alerta para nova modalidade de golpe envolvendo venda de veículos praticado na capital sergipana

Sem Comentários

16/07/2018

Nesta segunda-feira (16), a Polícia Civil de Sergipe, através da Delegacia de Defraudações e Crimes Cibernéticos (DRCC), detalhou um novo golpe que vem sendo praticado na capital sergipana e que já fez cinco vítimas em dois dias. O prejuízo está estimado em mais de R$ 100 mil. Na ocasião, a delegada responsável esteve presente para dar mais informações sobre o golpe.

“Cinco vítimas em dois dias. Todas perderam mais de R$ 10 mil, sendo que algumas perderam mais de R$ 50 mil. Eles mantém contato com uma pessoa que esteja anunciando um veículo na OLX, perguntam todos os dados do veículo, pede fotos (caso não tenha no anúncio) e dizem que têm o interesse de comprar para passar para alguém. Às vezes um familiar ou funcionário, pessoas que supostamente eles teriam uma dívida e pagariam com esse veículo. Ao mesmo tempo, eles pegam aquelas fotos e anunciam o veículo por um valor muito mais baixo no mesmo site (OLX). Quando alguém se interessa e entra em contato, eles alegam que estão vendendo e que tem uma pessoa da família deles que vai mostrar o veículo para o interessado. Há um jogo com as duas pessoas. Uma acha que está vendendo e a outra acredita que está comprando”, explicou a delegada.”

O criminoso marca com essas duas pessoas e pede para que elas não falem nada, que mintam a respeito da situação, porque se falarem a verdade o preço do veículo aumentará.

“Como a pessoa vê o veículo, acaba depositando o dinheiro na conta que ele indica, que é de fora do Estado. Enquanto isso, a pessoa que supostamente estaria vendendo não recebe a quantia e, por consequência, não entrega o carro. Logo, quem depositou, acaba ficando no prejuízo. Em alguns casos, o dono do carro, antes de receber a quantia, acaba entregando e aí é ele quem fica no prejuízo”, complementou.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: Itnet

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Celulares e games lideram fraudes em comércio eletrônico no Brasil

Sem Comentários

12/07/2018

A cada R$100 gastos em transações via e-commerce no Brasil para compras relacionadas a celulares feitas entre dezembro de 2016 e dezembro de 2017, R$9,38 foram oriundos de algum tipo de fraude, como clonagem de cartões. O dado é um dos destaques do levantamento “Mapa da Fraude 2018″, realizado por uma empresa de segurança financeira. Outro segmento que configura um alvo atraente para criminosos são os games. Eles aparecem na segunda posição do levantamento, com R$8,63 a cada R$100 sendo provenientes de tentativas de fraude. Esses valores consideram transações feitas em comércios eletrônicos, nas compras via canais diretos como as lojas de Xbox e PlayStation. Além de celulares e games, outros segmentos se destacaram: bebidas (R$6,54), eletrônicos (R$4,32) e produtos de informática (R$3,97). Separando por regiões, a Norte (R$7,59) liderou o levantamento. Já o Sul (R$1,98) registrou menos ocorrências. Separando por estados, temos o Tocantins (R$9,51) em primeiro e o Rio Grande do Sul (R$1,65) em último. Ao todo, a cada R$100 gastos em compras via ecommerce no país, R$3,42 correspondem a tentativas de fraude.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: UOL

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Mulher perde quase R$ 30 mil em golpe de falso sequestro, na PB, diz Polícia Civil

Sem Comentários

12/07/2018

Em Campina Grande, uma mulher passou cerca de 15 horas sendo controlada por criminosos depois de cair no golpe do falso sequestro. A vítima recebeu uma ligação de homens que alegaram estar com o filho dela. A mulher teria perdido quase R$ 30 mil com o golpe. De acordo com a Delegacia de Defraudações e Falsificações da Polícia Civil, a vítima recebeu a ligação e acreditou que os criminosos estavam com o filho dela. O crime ocorreu na última terça-feira (10), mas só foi divulgado pela Polícia Civil, nesta quinta (12). No dia do golpe, a mulher se encontrou com os criminosos em um hotel no Centro de Campina Grande e teria feito três procedimentos financeiros por meio de banco. Depois, os homens ainda levaram a mulher até um shopping da cidade, onde compraram aparelhos celulares. O golpe só foi descoberto depois de quase 15 horas, quando a vítima conseguiu falar com o filho e descobriu que ele não havia sido sequestrado.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Criminosos usam cheques sem fundo para aplicar golpes na compra de carros

Sem Comentários

13/07/2018

Criminosos estão usando cheques sem fundos para aplicar um tipo de golpe já conhecido no mercado. A modalidade é chamada de ‘envelope vazio’ pela polícia e normalmente é feita com comprovantes de depósitos fraudulentos. O uso dos cheques dificulta que a vítima perceba a armação, já que o dinheiro chega a aparecer na conta antes do banco avisar que não havia fundos para a transação. Um pedreiro foi uma das vítimas. Ele colocou o carro a venda na internet, logo recebeu uma ligação de um suposto comprador. Ele fechou o negócio por R$ 32 mil e fez a transferência, só depois percebeu que tinha sido enganado. O homem que roubou o carro do pedreiro foi identificado pela Polícia Civil. Ele também é suspeito de outros golpes em Rondônia e no Maranhão. Outro tipo de crime que já fez sete vítimas em Palmas é o golpe do ‘bem bolado’. Presidiários estariam se passando por intermediadores de compras de carros que são anunciados na internet. “O bandido, ele liga para o comprador e para o vendedor e fala para um falar que não conhece o outro ou inventa uma história que é cunhado”, explica o delegado responsável. “Se alguma pessoa ligar e pedir para você mentir para o outro que está comprando ou vendendo, desconfie que é golpe”.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Idoso perde mais de R$ 2 mil depois de ser abordado por casal em avenida de Mogi

Sem Comentários

12/07/2018

Um idoso perdeu mais de R$ 2 mil depois de ser abordado por um casal em uma rua de Mogi das Cruzes. Ele disse que os suspeitos levaram sua bolsa onde estavam documentos, cartões e o dinheiro. Nesta quarta-feira (11), a vítima esteve no 1º Distrito Policial e contou que na terça-feira (10), por volta das 12h30, saiu de um banco na Avenida Voluntário Fernando Pinheiro Franco. Segundo o idoso, nesse momento ele foi abordado por um casal. A vítima afirma que a dupla tentou aplicar um golpe. Mas como não caiu, o homem e a mulher levaram a bolsa do aposentado onde estavam documentos, cartões bancários e R$ 2.150, fugindo em seguida. O caso foi registrado como furto a transeunte.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Dupla é presa pela PRF com carro clonado, moto roubada e documento falso na BR-101, em Rio Bonito, no RJ

Sem Comentários

11/07/2018

Dois homens suspeitos de receptação e uso de documento falso foram detidos pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) após serem flagrados com um carro clonado transportando uma moto roubada no compartimento de carga. O caso aconteceu na noite de terça-feira (10) na BR-101, na altura de Rio Bonito (RJ). De acordo com a PRF, os agentes realizavam uma fiscalização no km 269, sentido Região dos Lagos, quando avistaram o veículo e fizeram a abordagem. Foi constatado que se tratava de um carro com as placas clonadas de um modelo similar. Dentro do compartimento de carga havia uma moto com a numeração do chassi adulterada e com registro de roubo. Além disso, o motorista apresentou documento falso aos agentes. Os veículos e os detidos foram encaminhados para a 119ª Delegacia Legal de Rio Bonito.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: G1

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Suspeito é preso ao dirigir em carro roubado e usar documento falso

Sem Comentários

12/07/2018

Na noite desta quarta-feira (11), um homem foi preso pela Polícia Rodoviária Federal durante uma fiscalização na BR 110, trecho de Paulo Afonso (a 477 quilômetros de Salvador). O sujeito estava com um Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV) falso e conduzia um veículo que pertence a uma locadora, alugado em abril deste ano. O registro da ocorrência foi feito por volta das 19h, quando os policiais abordaram o suspeito em um veículo GM Cruze, com placa de Belo Horizonte (MG). Após entrar em contato com a locadora, os policiais confirmaram que o automóvel foi alugado no final de abril e que ao tentar contato com o locatário, descobriu que o endereço cadastrado era falso. O irmão do suspeito também estava no veículo e após levantamento de dados, os policiais contataram que o mesmo possui passagens pela polícia por receptação de veículos roubados. A ocorrência foi encaminhada para a Delegacia da Polícia Civil em Paulo Afonso.

Ler a notícia na íntegra

Fonte: A Tarde

Saiba mais sobre os crimes de fraude no site do BrSafe.

Anterior